Decida-se pelo amor!

fevereiro 20, 2014

Linda mensagem do Monsenhor Jonas Abib. Tocou meu coração, espero que toque o de vocês também!

Fraternalmente,

Fabiana Paula

amor

Decida-se pelo amor

Muitos não têm a coragem de amar, porque já sofreram muito, seja na família, no casamento etc. Talvez você já tenha sofrido e, é claro, não quer passar por essa situação novamente. Por isso, deixou de amar para não sofrer. Independente dos acontecimentos, é no amor que está a salvação para você. É no amor-doação que as pessoas com quem você se relaciona serão salvas.

Apesar das decepções e dos problemas familiares, ame. Decida-se pelo amor! Não são apenas os jovens que precisam despertar para o amor; há muito adulto, muita gente casada que precisa redescobrir a graça de amar.

Quantas pessoas guardaram decepções! Quantas pessoas curtiram revoltas no coração! Quantas são vítimas da própria revolta com um pai alcoólatra, irresponsável, ausente, infiel, bruto, autoritário… Quantas pessoas, decepcionadas com a família, já não são capazes de amar.

Amar é vida. Não amar é morte. É preciso reaprender a amar. Problemas existem e adoecem o coração, mas não é por isso que você não vai amar. Deus lhe dá a capacidade de amar, mas se decidir a amar depende de você. Se você se decidir pelo amor, tudo vai mudar na sua vida.

O mundo é de quem ama. Quem não ama permanece na morte.

Seu irmão,

Monsenhor Jonas Abib


Onde está o meu olhar?

agosto 19, 2010

Que meus olhos contemplem a tua luz Senhor!

Dois homens olharam através das grades de um prisão. Um viu a lama, o outro as estrelas.  (Sto Agostinho)

Acabe de ler essa frase postada no twitter do Ricardo Sá e estava hoje justamente meditando a forma como vemos a vida, às vezes fico rindo só quando vejo algumas pessoas que não sabem viver… Os anos passaam e elas não aproveitam a vida… Só sabem reclamar, xingar, murmurar, se meter em confusões e em conversas que não são edificantes.

Deus nos deu a vida como um lindo presente e temos o dever de viver bem enquanto estamos aqui na Terra. Sei que temos problemas e vejo que algumas situações podem ser revertidas em um bem maior para nossas vidas.

Lembrei de duas pessoas, que não vou citar o nome, é claro, mas que conheço e tento na medida do possível ajudar. Uma é ranzinza, vive de mal humor, nunca está bem, quase sempre está doente, com dor de cabeça, chateada, reclama se tem que trabalhar, se tem que estudar, se fica em casa,etc. É difícil ficar muito tempo perto dessa pessoa, porque a gente vai se angustiando junto com ela, parece que é “transmissível” a doença e é incrível perceber que muita gente vai se “distanciando” de pessoas assim. Outra pessoa que me lembrei é uma que é pessimista, nossa, às vezes tenho medo de passar perto pois ela vai me observar e fazer algum comentário do tipo: “nossa como você está magra?”, “nossa como você está com um olhar cansado”, “como você está desgastada”, ou então, vai me contar um monte de catástofres, mortes, violência, etc. Ou, se conversamos ela vai sempre se colocar pessimista em relação a projetos, sonhos, idéias, acha que não vai dar certo, que a probabilidade de acertos é pequena, etc.

Enfim, que pena olhar pelas grades e ver somente a lama do chão, ver somente as dificuldades, os problemas e não obervar que acima de tudo isso está o céu, estão as estrelas, ou seja, há muita coisa bela a ser vista, há muita coisa boa a ser vivida, as alegrias superam as tristezas e quando estamos voltados para o Senhor, se você tem um problema em sua vida, uma dificulade a ser superada, lembre-se também que você tem motivos para agradecer a Deus, começando pelo fato de estar viva e quando se sentir fraco, desanimado, olhe para o alto, com os olhos fixos n’Ele, pois nossa vida não pode permanecer voltada para a planície, mas sim voltada para o nosso Senhor. Lembro agora do salmo que diz: “Para os montes levanto os olhos, de onde virá o meu socorro? O meu socorro virá do Senhor” (Salmo 120, 1-2)

Confie sua vida e entregue seu caminho ao Senhor, Ele saberá guiá-lo, conduzi-lo e lhe dará tudo aquilo que você mais precisar.

Deus abençoe a todos,

Fabiana