A linguagem é uma fonte de mal entendidos!

janeiro 29, 2011

Talvez você não concorde com essa frase, que tirei de um trecho do livro do Pequeno Príncipe, mas se formos refletir sobre nossas escolhas, muitas vezes uma palavra dita ou “escrita”, pode gerar uma série de mal-entendidos! Digo isso por experiência própria, quantas vezes quis expressar meu pensamento e fui infeliz nas palavras e depois pra disfazer o incompreendido o custo é alto!

 Na Bíblia, encontramos algumas citações que falam do poder da palavra e de quanto devemos ser prudentes no falar, como escrevemos o que pensamos, temos que ter o mesmo cuidado com nossa linguagem escrita. Lembro do salmo 140 que diz: Ponde, Senhor, uma guarda em minha boca, uma sentinela à porta de meus lábios.

 Você já arrependeu de algo que disse ou que escreveu? Então, aprenda com seu erro, entenda que “sinceridade demais” é falta de educação e que muitas vezes com nossa “sinceridade” machucamos, magoamos, ferimos pessoas que muitas vezes são importantes para nós, também que há um tempo pra cada coisa, há o tempo de falar, mas o há o tempo de calar também, precisamos aprender a agir de acordo com o momento e sempre com prudência.

 O grande desafio do relacionamento entre pessoas é que tenhamos o respeito e a sensibilidade de sermos e darmos aquilo que gostaríamos de receber.

Com certeza ninguém gosta de ser mal tratado, então porque agir com maldade ou grosserias? Ninguém gosta de ser humilhado, então porque humilhar o outro? Ninguém gosta de ser ofendido e porque gosta de ofender? Não gosta de ser alvo de brincadeiras depreciativas e porque gosta de fazê-las?

 Lembro-me bem de um livreto interessante que li certa vez, o bem que você planta, você colhe. Então, tudo o que plantamos um dia colheremos, por isso façamos boas escolhas, fiquemos com o que há de melhor, o bem que vem de Deus.

Não escolha pessoas para fazer o bem, faça sem olhar quem está recebendo, pois caso contrário não há merecimento algum e lembre-se sempre da grande regra de ouro ensinada por Jesus: “O que quereis que os homens vos façam, fazei vós a eles” (Mat 7.12).

Que Jesus nos abençoe e nos dê sabedoria para fazermos escolhas felizes e se você algum dia fez uma escolha errada, tenha humildade, saiba voltar e refazer seu caminho, dando novos rumos a sua história.

Uma ótima semana com as bênçãos de Nosso Senhor Jesus Cristo,

Fabiana Paula