A humildade é andar na verdade

agosto 27, 2013

Recebi um email de um sacerdote amigo com uma linda reflexão, que partilho com vocês agora.

Abraço fraterno,

Fabiana.

siga-me

Estamos iniciando o mês de setembro, o mês da Bíblia, da Palavra de Deus. O Livro Sagrado dos cristãos que é uma biblioteca de setenta e três volumes, divididos em duas eras: judaica e cristã, antes de Cristo e depois de Cristo, Antigo e Novo Testamento. Certamente é o Livro mais lido, mais traduzido, mais conhecido e presente na maioria dos lares cristãos. Nossa Família tem a Bíblia e a lemos?

A primeira leitura de hoje é tirada do Livro Eclesiástico, tem o mesmo tema do Evangelho: “Quanto mais importante fores, deves humilhar-te e encontrarás graça diante do Senhor. Porque é grande o poder do Senhor e os humildes cantam a sua glória”. Este é o caminho mais seguro para a realização pessoal e para a felicidade humana do que o orgulho e a vaidade. É muito triste quando se vive da aparência, de títulos, de poder, de influência… Infelizmente ainda não aprendemos a pedagogia de Jesus, que lavou os pés dos seus discípulos e que veio para servir.

A humildade autêntica não está na moda, nem nunca estará, porque é vista como atitude dos fracos, dos vencidos, dos superados. O mundo é para os fortes, vencedores, vitoriosos, conquistadores, mesmo que seja só de títulos e de aparência. O êxito dos triunfadores tornou-se o padrão de comportamento, por isso os primeiros lugares atraem sempre os olhar e o desejo de todos. Os corredores de Formula 1 sonham com a primeira fila da largada, assim é a conduta pedagógica dentro da família, o filho tem que ser o primeiro em tudo, a qualquer preço e custo.

A humildade é andar na verdade, e não na aparência da mentira. Hoje ouvimos Jesus dizer: “Quem se exalta será humilhado e quem se humilha será exaltado”. A insistência com que se repete nos evangelhos e nos discursos de Jesus de que a verdade e a santidade estão na humildade do servir. A palavra humildade deriva do latim, humilis, que provem de húmus=terra. É a nossa origem, nossa pequenez, é a condição de toda criatura: ser pó da terra.

O texto de hoje nos lembra da oração de Maria no Magnificat: “O Senhor exaltou os humildes e derrubou os poderosos…”. A Eucaristia é o momento em que todos são iguais, sem distinção de raça e poder, de ser o primeiro ou o último. Todos tem o mesmo direito de participar do banquete eucarístico, porque não somos nós que vamos a Jesus, por sermos indignos, mas é Ele que vem a nós, na simplicidade da aparência do Pão, o Pão descido do Céu.

Frei Sergio Pagan OFM

Anúncios

Oração à Santa Teresinha

julho 17, 2013

Hoje quero pedir a intercessão de Santa Teresinha diante de todas as minhas dificuldades e desafios.

Vamos rezar juntos?santa-teresinha-3

“Ó Santa Teresinha , branca e mimosa flor de Jesus e Maria , que embalsamais o Carmelo e o mundo inteiro com o vosso suave perfume, chamai-nos e nós correremos convosco, ao encontro de Jesus, pelo caminho da renuncia, do abandono e do amor.
Fazei-nos simples e dóceis, humildes e confiantes para com o nosso Pai do céu. Ah! Não permitais que o ofendamos com o pecado. Assisti-nos em todos os perigos e necessidades; socorrei-nos em todas as aflições e alcançai-nos todas as graças espirituais e temporais ,especialmente a graça que estamos precisando agora (diz a aqui a graça desejada).
Lembrai-vos , ó Santa Teresinha que prometestes passar vosso céu fazendo bem a terra, sem descanso, até ver completo o número de eleitos. Ah Cumpri em nós a vossa promessa: sede nosso anjo protetor na travessia desta vida e não descanseis até que nos vejais no céu ,ao vosso lado, contando as ternuras do amor misericordioso do Coração de Jesus.” Amém.

Santa Teresinha, Rogai por nós!


Oração a Nossa Senhora do Carmo

julho 16, 2012

Hoje, dia 16 de julho é a Festa da Virgem do Carmelo, Padroeira de minha cidade Recife e mãe de todos nós!

Coloquemos nossa intenções sob a intercessão da Virgem!
Fraternalmente,
Fabiana
Oração a Nossa Senhora do Carmo

“Ó bendita e imaculada Virgem Maria, honra e esplendor do Carmelo! Vós que olhais com especial bondade para quem traz o vosso bendito escapulário, olhai para mim, benignamente, e cobri-me com o manto de vossa maternal proteção.

Fortificai minha fraqueza com o vosso poder, iluminai as trevas do meu espírito com a vossa sabedoria, aumentai em mim a fé, a esperança e a caridade. Ornai minha alma com a graça e as virtudes que a tornem agradável ao vosso Divino Filho.
Assisti-me durante a vida, consolai-me na hora da morte com a vossa amável presença, e apresentai-me à Santíssima Trindade, como vosso filho e servo dedicado; e lá do céu, eu quero louvar-vos e bendizer-vos, por toda a eternidade”.

Nossa Senhora do Carmo, Rogai poro nós!

Amém


Deus sempre tem uma resposta para você…

junho 27, 2012

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Você diz: “Isso é impossível”

Deus diz: “Tudo é possível” (Lucas 18.27)
Você diz: “Eu já estou cansado”
Deus diz: “Eu te darei o repouso” (Mateus 11,28-30)
Você diz: “Ninguém me ama de verdade”
Deus diz: “Eu te amo” (João 3:16 & João 13.34)
Você diz: “Não tenho condições”
Deus diz: “Minha graça é suficiente” (II. Corintos 12.9)
Você diz: “Não vejo saída”
Deus diz: “Eu guiarei teus passos” (Provérbios 3,5-6)
Você diz: “Eu não posso fazer”
Deus diz: “Você pode fazer tudo” (Filipenses 4.13)
Você diz: “Estou angustiado”
Deus diz: “Eu te livrarei da angustia” (Salmos 90.15)
Você diz: “Não vale a pena”
Deus diz: “Tudo vale a pena” (Romanos 8.28)
Você diz: “Eu não mereço perdão”
Deus diz: “Eu te perdôo” (I Epistola de São João 1.9 & Romanos 8.1)
Você diz: “Não vou conseguir”
Deus diz: “Eu suprirei todas as suas necessidades” (Filipenses 4.19)
Você diz: “Estou com medo”
Deus diz: “Eu não te dei um espírito de medo” (II. Timóteo 1.7)
Você diz: “Estou sempre frustrado e preocupado”
Deus diz: “Confiai-me todas as suas preocupações” (I Pedro 5.7)
Você diz: “Eu não tenho talento suficiente”
Deus diz: “Eu te dou sabedoria” (I Corintos 1.30)
Você diz: “Não tenho fé”
Deus diz: “Eu dei a cada um uma medida de fé” (Romanos 12.3)
Você diz: “Eu me sinto só e desamparado”
Deus diz: “Eu nunca te deixarei nem desampararei


O correio de Nossa Senhora

maio 12, 2012

Olá  amigos, Paz e Bem!

Segue abaixo um texto bem legal do Padre Luizinho da Comunidade Canção Nova.

Leiam e que tal fazermos essa experiência?

Abraço fraterno,

Fabiana

Você conhece O correio de Nossa Senhora? Escreva uma carta para Virgem Maria!

O mês de maio é abençoado e rico da espiritualidade Mariana. Lembramos que a devoção do mês de Maio nos pode levar a vivermos mais intensamente a dignidade de homens e mulheres ressuscitados com Cristo durante o tempo pascal. Com Maria nos prepararemos para receber a força do Espírito em Pentecostes, que deseja formar em nós a imagem de Jesus Cristo, como Ele a realizou em Maria. Quero trazer para vocês uma dinâmica espiritual que Dom Bosco fazia nos oratórios para aproximar as crianças e os jovens de Maria mãe de Jesus, que nós da Canção Nova gostamos muito de fazer: O Correio de Nossa Senhora. É muito simples, mas encantador a resposta que obtemos através de Nossa Senhora. Era com essa simplicidade e pedagogia que Dom Bosco conquistava o coração da juventude para Deus.

No dia 24 de maio dia de Nossa Senhora Auxiliadora era uma grande festa no oratório de Dom Bosco, para promover a espiritualidade deste dia o dinamismo e inteligência do Santo amigo dos jovens criaram o Correio de Nossa Senhora, que se fundamenta numa carta que vou escrever para Nossa Senhora. Nela vou escrever o que eu quiser dizer para a mãe de Jesus e minha também, sobre minha vida, saúde, trabalho, pedidos e súplicas, vou abrir meu coração certo de que obterei a resposta. Confecciona-se uma caixa enfeitada com uma estampa da Virgem Maria com uma abertura encima para depositar as correspondências.

No dia de Nossa Senhora Auxiliadora no Oratório festivo celebrava-se a festa e queimavam-se todas as cartas, ninguém lia somente a Mãe do Senhor. Todos recebiam depois das mãos de Dom Bosco a Carta resposta de Maria preparada por ele para cada criança, enrolada como um pequeno diploma. Todas elas recebiam respostas claras e confortantes a respeito de seus pedidos e situações que relataram em suas cartas. É uma verdadeira experiência do amor de Deus manifestado na Pessoa de Sua mãe, não deixava de ser também um grande momento de ternura, cura e libertação pela intercessão de Maria.

Estamos no mês de maio e todos precisamos muito do colo da Mãe, de seus cuidados e de sua intercessão e quem não gostaria de conversar com a Mãe como os videntes de Fátima ou como Dom Bosco? Por isso, quero convidar você a realizarmos aqui no blog o Correio de Nossa Senhora. A caixa do correio será o Comentário do Blog, onde você fará seus pedidos e confidências à mãe de Jesus, com uma diferença, não será somente a Virgem Maria a ler a sua carta, terá uma rede de intercessores que lerão juntos comigo e rezarão por você, são mais de 45.000 comentários de irmãos que vão entrar nesta rede on-line. Será uma experiência linda de oração com Maria e com os irmãos do nosso blog e Podcast, que já são uma grande família. Você topa fazer comigo essa experiência?

Então vamos nos preparar:

1° – Reze ao Divino Espírito Santo e escreva a sua carta, abra o seu coração a Virgem Maria sobre tudo que você quiser;
2° – Deposite as correspondências na caixa que será os comentários do nosso blog;
3° – Com confiança converse com Maria todos os dias e espere a sua resposta.

No próximo dia 31 de maio dia da festa da Visitação de Maria a Isabel, veja neste blog e no Podcast a resposta de Nossa Senhora para você e uma consagração poderosa das famílias para que rezemos e consagremos o nosso lar a Maria, nossa mestra e nossa mãe. Com muito carinho nestes dias que antecedem a festa vou rezar e colher de Deus e do Coração Imaculado da mãe a resposta para você. Com certeza será surpreendente, resposta de Deus as suas aflições e pedidos, um balsamo para sua espiritualidade. É receita de Dom Bosco, simples e eficaz.

Oração de são Bernardo:

Lembrai-vos, ó piedosíssima Virgem Maria,
que jamais se ouviu dizer que algum daqueles
que têm recorrido à vossa proteção
implorado vosso socorro
E invocado vosso auxílio,
fosse por vós desamparado.
Animado, pois, com igual confiança,
a vós, ó Virgem entre todas singular,
como minha Mãe recorro; de vós me valho
e gemendo sob o peso dos meus pecados,
prostro-me as vossos pés.
Não desprezeis as minhas súplicas,
ó Mãe do Filho de Deus humanado,
mas dignai-vos de ouvi-las propícia
e de me alcançar o que vos rogo. Amém.

Ouça o Podcast deste conteúdo:http://podcast.cancaonova.com/programa.php?id=3302

Não esqueça, deixe sua carta aqui em Comentários no final da página do blog e seus pedidos de orações.

Rogai por nós santa mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

Minha benção fraterna.

Padre Luizinho, Com. Canção Nova.
Obs.: Dia 31 de maio Quinta-feira resposta de Nossa Senhora para você, aqui no blog e no Podcast.


Vivendo o tríduo Pascal

abril 6, 2012

Olá queridos, Paz e Bem!

Hoje iniciamos o tríduo pascal. Itinerário de oração e de encontro com Jesus.

Hoje além da missa da ceia do Senhor, somos convidados a vigiarmos e orarmos com Ele. A missa comemora a instituição da Eucarisita, o mandamento do amor e a instituição do sacerdócio ministerial dos padres. Após a Santa Missa, começa a adoração ao Santíssimo Sacramento.

Amanhã é o dia da recordação da Paixão de Nosso Senhor, è dia de jejum e silêncio. Às 15 horas somos no convidados a estarmos na Igreja para as celebração própria da liturgia. Após a Paixão, todos participam das orações universais e do gesto de adoração da Santa Cruz e a Sagrada Comunhão. Tudo termina num grande silêncio.

O sábado continua sendo um dia de silêncio e de oração, a palavra usada é: ESPERA. É importante aprendermos a esperar e o sábado é um dia espetacular de espera pela vigília pascal, onde iremos comemorar a Páscoa do Senhor e renovarmos nossas promessas batismais.

O Domingo é o dia do Senhor, a missa  nos convida a espalharmos assim como as mulheres na Bíblia fizeram a grande notícias de que Ele não está mais no sepulcro, ELE ESTÁ VIVO, RESSUSCITOU!

Viva intensamente esses dias e mergulhe nos mistérios e bênçãos e que Jesus a cada dia seja amado e adorado por todos nós!

Fraternalmente,

Fabiana


Valei-me São José!

março 19, 2012

Paz e Bem povo de Deus!

Hoje dia 19 de março é dia de São José e não poderia deixar de postar aqui no meu blog sobre essa grande figura bíblica que acolheu Maria, amou e educou Jesus.

São José, um dos poucos que  na Bíblia é chamado de “Justo” e é com certeza o personagem bíblico que é exemplo

Que São José abençoe e interceda por todos os homens para sejam a cada dia mais fiéis e orantes, assim como ele foi!

Fraternalmente,

Fabiana

Rogai por nós glorioso São José!

Rogai por nós glorioso São José!

São José, o Guarda do Redentor
Como personificação de Deus-Pai, São José manifesta para os cristãos a presença misteriosa do Pai celeste.
No dia 19 de março a Igreja celebra a solenidade de São José, esposo de Maria e patrono da Igreja. No dia 1º. de maio, Dia do Trabalhador, celebra-se a memória de São José Operário. A Igreja reserva dois dias para festejar o pai adotivo de Jesus Cristo que, segundo os evangelhos, era conhecido como “filho de José” (Lc 3,23; 4,22; Jo 1,45; 6,42) ou “filho do carpinteiro” (Mt 13,55). No Evangelho de Mateus (cc.1- 2), é José quem recebe, em sonhos, o anúncio do nascimento do Messias; é ele quem dá o nome e, portanto, a legalidade da filiação davídica a Jesus; é ele quem leva o Menino e sua mãe na fuga para o Egito e os traz de volta para estabilizar-se em Nazaré. No Evangelho de Lucas (c. 2), por sua descendência davídica ele deve registrar-se em Belém, onde sua esposa Maria dá à luz o Menino Jesus em uma manjedoura; ele e Maria levam o Menino para ser apresentado no Templo de Jerusalém; mais tarde, quando o Menino tinha doze anos, ao reencontrá-lo no Templo entre os doutores, recebem a revelação de que seu filho deve ocupar-se das coisas do Pai celeste. Graças à descendência de José, Jesus é o novo Davi, o verdadeiro Rei de Israel, o Messias prometido.
Especialmente a partir da Idade Média, São José está presente na liturgia, na arte, na literatura, na devoção popular; ele dá seu nome a cidades, congregações religiosas, colégios, instituições; muitas pessoas – como o atual papa – se orgulham de trazer seu nome, que significa: “Deus dê aumento”. O papa Leão XIII (1878-1903) publicou uma encíclica sobre o seu culto. No centenário dessa encíclica, em 1989, João Paulo II publicou a exortação apostólica Redemptoris Custos, sobre a figura e a missão de São José na vida de Cristo e da Igreja. Depois de apresentar São José como o guarda, custódio e protetor de Jesus Cristo, o papa o trata também como protetor da Igreja de Cristo.

PROTETOR DA IGREJA
Leão XIII justifica o patrocínio de São José sobre a Igreja, escrevendo que aquele que outrora socorria a santa família de Nazaré, em todo e qualquer acontecimento, também agora cobre e defende com seu celeste patrocínio a Igreja de Cristo. E o papa João Paulo II acrescenta: “Esse patrocínio deve ser invocado e continua sempre a ser necessário à Igreja, não apenas para defendê-la dos perigos, que continuamente se levantam, mas também e, sobretudo, para confortá-la no seu renovado empenho de evangelização do mundo e de levar adiante a nova evangelização dos países e nações onde a religião e a vida cristã foram antes tão prósperas, mas se encontram hoje submetidas a dura provação” (RC 29).
São José é patrono da Igreja também porque é exemplo de oração, de escuta da Palavra de Deus, de obediência à vontade salvífica do Pai, de colaboração para a realização dos planos divinos sobre a humanidade, de defesa dos valores familiares.

MODELO PARA OS PAIS
Diversos estudos atuais apontam para o fato de vivermos numa sociedade de filhos sem pais. Há um aumento assustador de crianças abandonadas, meninos de rua, jovens separados do pai, crianças educadas só pela mãe. São devastadores os efeitos da falta da figura paterna. Doenças atuais como anorexia, bulimia, toxicomania, que estão dizimando gerações de jovens, podem ser vinculadas diretamente – segundo estudos da psicologia – ao vazio da figura paterna. Também fenômenos como o neonazismo, e outras formas de delinquência juvenil, reconduzem à falta de uma figura masculina positiva, conexa com uma paternidade forte. Desde um ponto de vista psicanalítico, estar privado do pai equivale a estar privado da espinha dorsal. É o pai que, ao receber o bebê do colo da mãe, vai lhe dando a própria identidade e lhe infundindo confiança e autonomia na condução da vida. Sem o pai ou uma figura masculina equivalente, as crianças crescem na insegurança e na ausência de autoestima.
Nossa geração, emancipada sob todas as formas, é ao mesmo tempo uma geração de filhos sem a figura e a presença do pai e, assim, fortemente maternizados. A falta do pai nas instituições de base, como a família, repercute na estrutura social e política, onde também se constata a ausência de figuras carismáticas, líderes capazes de apresentar e defender valores de consenso na promoção da vida, na construção de estruturas justas, na edificação de uma ordem igualitária e fraterna.
O Documento de Aparecida parece ser o primeiro documento da Igreja que trata especificamente da figura do homem e do pai de família. Constata que a indiferença dos homens nas coisas da religião e da Igreja contribui para a fragilidade deles em resolver conflitos e frustrações, em resistir às seduções de uma cultura consumista e competitiva, em enfrentar a tentação da violência, da infidelidade, do abuso do poder, da dependência de drogas, do alcoolismo, do machismo, da corrupção e do abandono de seu papel de pais (DAp 461). Reconhece que muitos homens se sentem cobrados na família, no trabalho e na sociedade, são carentes de maior compreensão, acolhida e afeto, não têm espaços onde compartilhar os sentimentos mais profundos, são expostos a uma situação de profunda insatisfação que os deixa à mercê do poder desintegrador da cultura atual. Sugere, enfim, que em todas as dioceses e paróquias haja uma especial atenção pastoral para o pai de família (DAp 462).
Nesse campo, a figura de São José, pai e protetor do Menino Jesus, é modelo para os pais de família que queiram assumir com vigor o carisma próprio de sua masculinidade e paternidade.

PERSONIFICAÇÃO DE DEUS-PAI
Em seu livro São José, personificação do Pai, Leonardo Boff intui que a família de Nazaré é na terra um sacramento da família divina trinitária do céu. O menino- homem Jesus de Nazaré é a encarnação do Filho eterno de Deus; Maria é o templo e a imagem do Espírito Santo; José de Nazaré é a personificação de Deus-Pai. José é o homem do silêncio, do qual a Bíblia não anotou nenhuma palavra, é o homem justo que na sombra e na simplicidade realiza a obra de Deus. Ele é a corporificação, a personificação de Deus-Pai. Ele manifesta para os cristãos a presença misteriosa do Pai celeste.
Assim, no silêncio diante dos mistérios da vida, no cuidado do filho e da esposa, no ocultamento do trabalho cotidiano, na simplicidade e invisibilidade da existência fiel, na santidade das relações familiares e profissionais, José de Nazaré revela o mistério profundo e abissal de Deus-Pai.

Fonte: http://santuarioguadalupeourinhos.blogspot.com.br/2011/03/festa-de-sao-jose.html