Como fazer aborto, clínicas, remédios, etc.

feto-no-ventre-de-sua-mae

Bom dia povo de Deus!

Calma, não pensem que enlouqueci, coloquei esse tema de propósito, pois sei que serei muito acessada.

Fiz uma pesquisa e sabia que existem muitos sites que ensinam métodos e remédiospara abortar? descobri fazendo uma pesquisa sobre aborto e também sobre bioética, Todos nós sabemos que o aborto é uma prática proibida no Brasil e mesmo assim, circula livremente na internet blogs que ensinam e dão dicas de como abortar!

    Bem,  agora eu quero me dirigir a você que acessou meu blog e pensa em abortar. Vou partilhar um pouco daquilo que está no meu coração, eu também sou mãe!Por favor, continue lendo, recebi dois emails e vou postá-los como anônimos, mas quero que sirvam para você que está grávida e quer abortar.

 

Minha querida irmã, Paz e Bem!

Quero te dizer que não importa como você está, quais são as suas condições sócio-econômicas, quero lhe dizer que bebê que você espera no seu ventre é um presente de Deus! Mesmo que pareça um castigo, um peso para você, mas não é! É uma vida nova que está sendo gerada dentro de você, já pensou nisso? Você está colaborando com Deus, pois está emprestando seu corpo que é “Templo do Espírito”, para que uma nova vida seja gerada nele!

Querida, procure ajuda das pessoas que verdadeiramente te amam!

Procure ajuda religiosa, vá a uma Igreja Católica próxima de sua casa, procure a pastoral familiar, tenho certeza que você encontrará pessoas próximas que poderão te ajudar a levar adiante essa gravidez! Daqui a alguns anos, quando você ver com seus olhos seu filho, vai agradecer a Deus esse presente tão lindo que ele lhe deu. Um filho nunca é um peso, uma amarra aos seus pais, um filho é um lindo presente que ganhamos de Deus!

Leia abaixo trechos de dois emails que recebi sobre o assunto. Se você estiver pensando em abortar e quiser um conselho pode me escrever de forma anônima, quero muito ajudar todas as mulheres que estão nesse conflito a fazerem a escolha certa e optarem pela vida.

Por favor comentem sobre assunto:

1.      De Anônima para Fabiana Paula – Pessoas, não façam isso eu fiz e me arrependi muito estou enfrentando problemas psicológicos e uma depressão horrível.Imploro!!!! O melhor é assumir pode parecer que não mas por experiência é o melhor pelo amor de DEUS me escutem não faça nada para interromper por maiores que pareçam ser os motivos.É um ato muito marcante para a mulher se torna um trauma a vida perde o sentido quando vc percebe que foi homicida do seu próprio filho.

2.      De: Anônima – para Fabiana Paula – Estou com muito medo d estar grávida!
namoro faz pouco tempo … conversei muito com ele a respeito ..pois somos mto jovens…e minha familia não iria aceitar …principalmente meu pai !!!!…
ele não aceita o aborto d jeito nenhum ..e fala q é uma loucura abortar !!!..
não iria conseguir matar um anjinho que faz parte d mim …Deus sabe o q faz!!… o bb não pediu para ser gerado não é?
se fui mulher para fazer …agora sou mulher para criar …
é coisa de Deus….só pode!!!
gente pensa bem antes …dpois levará esse crime pro resto da vida
falou!

About these ads

157 respostas para Como fazer aborto, clínicas, remédios, etc.

  1. Fatima Santana disse:

    É isso aí,Fabiana, a paz de Cristo.
    Que Deus permita,e com certeza,Ele quer salvar muitas almas desse pecado,que através de suas mensagens de conscientização do verdadeiro sentido da vida,que aconteça verdadeiros milagres de restauração.
    Estou rezando por todas!E,que Maria passe na frente, trazendo em cada coração a alegria da salvação em seu filho Jesus.Amém.

  2. Anônima disse:

    Fabiana, obrigada por tudo!

    Meu filho será o presente que Deus está me dando!

  3. Anônima disse:

    Olá Fabiana,estou com uma dúvida enorme. EStou suspeitando que estou grávida,namoro a 8 meses,faço faculdade(estou no último semestre),mas pretendo iniciar a pós-graduação e com um filho isso não poderá ser concretizado,por isso estava pensando no aborto,pra mim seria a única solução. Os meus pais não iriam aceitar esse BB tbm…estou num beco sem saída o que faço?? vou fazer o exame,mas estou quase certa que estou grávida mesmo,que medooo!! me ajuda,por favor!!!!

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida, mais uma vez eu digo que o aborto não é solução para nada.

      Um filho não é uma maldição, ou algo pesado que nos traz sofrimentos.

      Um filho é um dom precioso, um presente de Deus.

      Sei que as condições de sua gravidez são adversas, mas isso não é motivo para vc abortar seu bebê.

      em último caso vc pode dá-lo para uma instituição de adoção. Não carregue em seu pensamento esse terrível trauma de matar seus próprio bebê.

      Vou passar um email para vc espero sua ajuda, pois quero muito lhe ajudar a seguir em sua gestação e mais na frente vc verá as grandes alegrias e que seu filho(a) irá lhe trazer.

      Aguardo retorno.
      Deus te abençoe,
      Fabiana.

    • Meg disse:

      ter um bb ñ quer dizer que vc não vá realizar seu sonho da pós graduação

    • Olá Fabiana eu tenho apenas 14 anos e acabei de descobrir eu estou gravida meu namorado tem 19 anos eu to muito feliz com minha gravidez mas ele não quer saber de forma alguma dessa criança ele quer que eu faça um aborto mas eu não quero tenho muito medo do que possa mim acontecer se eu fizer esse aborto, diz que só muito nova pra encara isso e ele também mas eu acho assim que se eu não fui nova pra fazer porque pra assumir com os meus atos sou e um bb ele não culpa ele não pediu pra vim ao mundo preciso de um concelho mim ajuda vai por favo

      • Eu sei mas eu ainda penso em fazer essa besteira pelo fato eu e o meu namorado agente terminou ai eu fui com eu tempo agente ficou um més separado dai conheci outro cara a gente ficou ele é muito legal mas não é pessoa certa ele é usuário de drogas eu não sabia quando fiquei com ele dai um dia a gente saiu fomos pra uma festa depois tava um pouca tarde não tinha mas ônibus pra onde eu moro dai fui dormir na casa dele tinha bebido muio e eu nunca tinha bebido antes então rolou entre a gente mas no outro dia eu perguntei a ele se ele tinha usado camisinha ele jurou pra mim que sim mas eu nunca transei com meu namorado sem camisinha esse menino tem 16 anos não trabalha só faz bico de vez em quando e é usuário então to comedo de ter esse bb fala pro meu namorado que é dele ele assumir e depois descobrirem que não é do meu namorado agente voltou tem pouco tempo meu namorado não merece que eu minta pra ele eu não trabalho só de menor meu pai largou minha mãe quando ainda era bb ele mim cria sozinha eu e meu irmão ela não vai ter condições de mim ajuda a criar essa criança mim diz se ainda devo ir a frente com essa gravidez mim ajuda por favo Fabiana beijos

      • fabianapaulaodm disse:

        Eu entendo toda a sua história e é realmente uma pena ter acontecido dessa forma, você com tão pouca idade e sabendo das condições do pai da criança. Mas, eu quero que você reflita em outro ponto: O bebê tem culpa do que aconteceu? com certeza, um inocente não tem culpa dos erros de seus pais. Então você mesmo ainda tão jovem e sem as condições necessárias deve dar prosseguimento a sua gravidez e em último caso, se não conseguir ter condições de criá-lo, deve dar para doação. Há muitos casais que sonham em ter um filho e não conseguem, então seu filho(a), pode ter outra família que o ame e o proteja, caso você não encontre condições para tal. Mas, abortar NUNCA! não permita que outras pessoas lhe dê essa que é a única alternativa que você não deve aceitar!

        Estou rezando por você!
        Fabiana

  4. anonimo disse:

    Oii fabiana..
    estou gravida,vai fazer um mês ainda,terminei o namoro e depois fiquei com ele novamente e aconteceu isso,ele nao esta mas comigo,namora outra,eu nao falo mas com ele,ele disse que ia assumir,mas ele nao tem dinheiro,nem trabalho,e ainda é de menor,e meus pais se souberem,nao sei nem doque ele é capaz de fazer.
    a unica solução é o aborto..mas nao quero fazer isso,o que eu faço??mim ajudaa por favor….

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida amiga, calma, mesmo diante de tudo isso, não aborte.

      Dependendo de onde vc morar, podemos ver uma equipe que lhe ajude, existem núcleos de apoio a mães grávidas em situação de risco.

      Quero muito ajudá-la.

      Esse é meu email,se conversar mais me escreva. Tudo será muito sigiloso.

      Não aborte por favor, é uma vida que está sendo gerada em vc, permita qeu seu filho(a) conheça o mundo e viva, sua família vai se aborrecer, mas depois eles vão aceitar e vão amar essa criança.

      Mande-me seu email, foi ficar aguardando.

      Lembre-se, o aborto nunca é solução.

      Eu vou precisar sair agora, vou esperar outro email seu, quero lhe judar e por favor, não aborte.

      Abraço fraterno,
      Fabiana.

      • Fabiana Mim ajuda por favo eu não quero aborta mas não to vendo outro jeito só tenho apenas 14 anos to com muito medo de tudo principalmente da reação da minha mãe já to com um més e to muito feliz quero muito essa criança mas to com muito medo

      • fabianapaulaodm disse:

        Minha querida, você disse que não quer abortar, isso aí é o mais importante. Mas, procure alguém de confiança, uma pessoa adulta que possa lhe ajudar. Sua mãe, mas tem que ser alguém de extrema confiança que vai lhe ajudar a superar esse momento. Mas, não siga os conselhos para o aborto. Continue com o propósito de ter o seu bebê. Ele(ela) será um grande presente em sua vida.

        Estarei rezando por você, siga firme. Deus está contigo, nada temas!!!!!!!

        Quando quiser pode escrever para mim, estarei lendo e rezando por você!

  5. Káh disse:

    A todos vocês que pensam em fazer aborto peço que coloquem a mão na consciencia.
    Abortar é a forma mais cruel de assassinato com um ser completamente indefeso que nada o fez de mal.
    Pensem na lei da ação e reação, sejam mais espiritualizados, hoje você aborta e amanha? Somos Eternos…não nos limitamos apenas ao corpo da carne.Iremos pagar por ter praticado um assassinato como o aborto.
    Amigos, vos peço ao menos para se colocarem na situação do indefeso feto que só quer viver e grita “Mãezinha tenha piedade de mim, me deixe viver, eu vos amo sou um pedaçinho de Ti”.
    Que todos vocês sejam iluminados por Maria mãe de Jesus.

  6. Timóteo disse:

    Uma mulher chega apavorada no consultório de seu ginecologista e diz:
    – Doutor, o senhor terá que me ajudar num problema muito sério. Este meu bebê ainda não completou um ano e já estou grávida novamente.
    Não quero filhos em tão curto espaço de tempo, mas num espaço grande entre um e outro….
    O médico então perguntou:
    -Muito bem. O que a senhora quer que eu faça? A mulher respondeu:
    Desejo interromper esta gravidez e conto com a sua ajuda. O médico então pensou um pouco e depois de algum tempo em silêncio disse para a mulher:
    -Acho que tenho um método melhor para solucionar o problema. E é menos perigoso para a senhora. A mulher sorriu, acreditando que o médico aceitaria seu pedido. Ele então completou:
    -Veja bem minha senhora, para não ter que ficar com dois bebês de uma vez, em tão curto espaço de tempo, vamos matar este que está em seus braços. Assim, a senhora poderá descansar para ter o outro, terá um período de descanso até o outro nascer. Se vamos matar, não há diferença entre um e outro.
    Até porque sacrificar este que a senhora tem nos braços é mais fácil, pois a senhora não correrá nenhum risco… A mulher apavorou-se e disse:
    -Não doutor! Que horror! Matar uma criança é um crime.
    Também acho minha senhora, mas me pareceu tão convencida disso, que por um momento pensei em ajudá-la.
    O médico sorriu e, depois de algumas considerações, viu que a sua lição surtira efeito. Convenceu a mãe que não há menor diferença entre matar a criança que nasceu e matar uma ainda por nascer, mas já viva no seio materno.

    O CRIME É EXATAMENTE O MESMO!!!!!

  7. erick disse:

    Eu axo á simm , no meu caso como não tenho consiçoes de criar meu filho e ele foi feito por um descuito , eu axo correto o aborto… pois o filho não veio ao mundo ainda, melhor aborta i si a criança vem ao mundo não é bem tratada e vira um usuario de droga um assaltante e apareçe na tv , vc’s falam que tem que mata um desgraçado desse , tem que preende um filho da mãe desse , mais vc’s já ajudaram alguem que preciso um dia de um prato de comida e vc não deu ?

    já penso nisso… tudo tem seu lado possitivo e seu lado negativo..

    • fabianapaulaodm disse:

      Erick, Paz e Bem!
      Em relação ao seu comentário são coisas diferentes.

      Estamos falando no valor da vida humana. Um filho(a) mesmo quando não é planejado é uma vida humana, que existe desde a sua concepção e todos nós já fomos um dia assim, pequenos embriões, fetos…

      A criança não pode pagar por um erro ou “descuido” como você fala e além disso o que você colocou em questão sobre essa criança vir a ser um marginal um dia, também não faz sentido meu irmão.

      Os grandes casos de pessoas que cometeram grandes crimes não estavam relacionados a serem de casamentos frustrados, ao contrário, Suzane Van Ritchtofen, lembra que planejou a morte dos pais, era rica, morava com os pais e tinha praticamente tudo e assim como esse caso temos uma infinidade de outros…

      Toda criança é uma dádiva de Deus e merece pelo menos ter o direito de nascer, assim como nós tivemos essa chance.

      Se alguem permite ou mata seu próprio filho , não será capaz de dar nem um copo d’água a alguém que precisa.

      Pense nisso também…

      Deixe seu filho nascer e você não se arrependerá…

      Fabiana Paula.

    • samara disse:

      nossa se pra vc e ruin imagina pra mim q nem conclui a escola e ja estou gravida e minha mãe nem sabe

      • fabianapaulaodm disse:

        Querida Samara,

        Sei que você é jovem e esse filho veio num momento não planejado, mas um filho sempre será um presente, um dom para a vida de sua família. Acolha seu filho e procure ajuda de pessoas que te amam e querem teu bem.

        Estou rezando por ti e quando quiser falar comigo é só me escrever.
        Um Feliz e Santo Natal!
        Fabiana

  8. marta disse:

    se eu nao abortar o que faço que vai cuidar porque eu nao quero so se eu tiver e jogar na lata do lixo

    • fabianapaulaodm disse:

      Cara Marta!

      Vi sei comentário e sei que vc deve estar passando por um momento difícil, mas um bebê é um ser humano, como você, não é um lixo que jogamos fora, porque não nos serve mais. É uma vida que tem direito de nascer.

      Tenha o seu bebê e se não tiver como criá-lo, posso ver lugares onde você pode deixá-lo para adoção, tenho certeza que se você não pode ou não quer, terão muitas pessoas que vão querer, que darão amor, carinho e um lar para seu filho.

      PENSE NISSO.

      Posso lhe ajudar.

      Fabiana.

    • ednala disse:

      quero um ugentimente uma endereço de uma clinica boa pra eu tira meu feto pfv me ajude sou uma mossa soh e nao posso ter essa criança!

  9. amanda disse:

    preciso de alguma medicaçao para aborta alguem me anjude por favor nao posso ter essa criança pois tenho apenas 13 anos fabiana o que me aconselha a fazer e o pior que o pai da criança e meu pai e se eu chamar a policia ele vai me matar o que faço gente pelo amor de deus

    • fabianapaulaodm disse:

      Cara Amanda, Paz e Bem ao teu coração!

      Quero muito lhe ajudar a ter o seu filho.

      Não aborte e não chame a polícia. Escreva para meu email, vou guardar sigilo, quero lhe ajudar.

      Onde você mora? com quem você mora? preciso de mais informações para poder lhe ajudar.

      Não mate o seu bebê, não importa quem é o pai, você tem uma vida dentro de você, não destrua essa vida, saiba que algumas coisas acontecem em nossa vida e não entendemos agora o porque,mas depois compreendemos tudo. Sei que essa gravidez não é desejada, mas o bebê não tem culpa, ele não pediu para viver, então quero lhe ajudar e conto com o retorno do seu email para poder lhe ajudar.

      Você tem que colocar seu email correto para eu lhe ajudar querida!

      Deus a abençoe e proteja.

      Aguardo seu email.
      Fabiana.

  10. patricia disse:

    oi alguem pode me ajudar pelo menos me orientar
    estou com 11 anos começei a mestruar agora a pouco tempo e estou gravida nao sei o que fazer

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Patrícia, Paz e Bem!

      Você ainda é muito jovem e precisa de ajuda. Como é a sua convivência com seus pais? Tente conversar com sua mãe, você precisa ir ao médico, fazer exames, também precisa de um acompanhamento psicológico, pois está ainda no início de sua adolescência.

      Quero lhe ajudar, mas você precisa colocar seu email correto, ao enviar o comentário para mim, assim poderei lhe orientar diante dessa situação.

      Só lhe peço uma coisa: NÃO ABORTE SEU FILHO! saiba que você guarda dentro de você uma vida que tem o direito de nascer.

      Quero muito lhe ajudar. Escreva-me.
      Fabiana.

      • Assuires disse:

        Fabiana minha irmã…
        Quanta miséria, não é?
        Felizmente, nossas misérias podem ser colocadas todas, no coração de Deus e se transformarem em: MISERICÓRDIAS… misérias, dentro do coração de Deus…
        Puxa vida, num dia como esse, em que passei por aqui, apenas por “aparente curiosidade”, vejo que a irmã tem nas mãos tantos corações para interceder, orientar e conduzir… Particularmente ligados a este problema tão atual, que é a gravidez, o aborto, as relações sexuais indiscriminadas, em última análise, a sexualidade e a afetividade.
        Faço prece a Deus para que você tenha muita forrça minha irmã. Não desanime! Força! Siga em frente!

        > Continue ajudando. Sua missão é essa: adiante!!!

        Assuires

      • Anonimo disse:

        olá fábiana paula sou muito nova tenho só 16 anos e estou achando qe estou gravida mas não posso levar isso adiante eu ñ posso parar agora de estudar tenho medo pois se minha familia souber ñ sei nem o qe pode acontecer e fiquei sabendo qe ate com 12 semanas vc pode abortar o qe faço?

      • fabianapaulaodm disse:

        Minha querida, Paz!

        Sei que você é jovem, ainda com um grande futuro pela frente, mas saiba que por isso mesmo, deve dar seguimento a sua gravidez. Por você ser jovem e com um futuro promissor, deve pensar que vai dividir tudo isso com um filho(a), que lhe trará muitas alegrias.

        Um aborto traz sérias consequências a mulher,além de ser um crime, um assassinato de um inocente que não pediu para nascer.

        Converse com sua família, procure ajuda de um adulto que vc tenha confiança, que seja uma pessoa de Deus e que lhe dê bons conselhos.

        Também lhe aconselho a procurar uma ginecologista para fazer os exames de pré-natal é a sua saúde e a do bebê que estão em jogo. Faça um ultrasom, ouça o coração dele bater… Depois me diga se ainda quer abortá-lo, vc vai amá-lo como nunca amou ninguém e vai sonhar com o nascimento dele.

        Dificuldades, sim, claro que você vai enfrentar, terá que fazer renúncias, mas tudo valerá a pena quando vê-lo vivo e ao seu lado.

        Estou rezando por você, me escreva quando quiser, conte com minhas orações e aconselhamentos.

        Fica com Deus,
        Fabiana

  11. Raquel disse:

    Cara Fabiana,
    Acho que você está fazendo um trabalho incrível! SOu casada há dois anos, não tenho filhos. Descobri outro dia em uma discussão com meu marido, que ele abortou um filho com uma ex namorada. Pelo que entendi foi no primeiro mês. Fiquei chocada, confesso que até com nojo de estar casada com alguém que tenha feito isso. Vi claramente o remorso em sua voz e em seus olhos, fico imaginando o remorso da mãe, que deve ser muito pior. Tem sido difícil pra mim aceitar esse fato, sempre que olho pro meu marido lembro do aborto, é muito ruim. Preciso perdoá-lo por isso e parar de julgar, mas nós seres humanos somos péssimos nisso, não é verdade? Mas quis contar esse fato para mostrar para quem deseja abortar, que não o faça, por mais dificílima que seja a situação, pois o remorso pro resto da vida tenho certeza absoluta que será muito pior. Os anos vão passar e você sempre vai imaginar como estaria seu filho hoje? Estaria com tal idade…e por aí vai. O início, a notícia da gravidez, pode ser muito chocante em alguns casos, mas o depois traz milagres, assim como é a vida, cheia de milagres. O amor surge para amenizar a situação. E se realmente não quiser a criança, dê para a doação, conheço muitas pessoas que tentam ter filhos e não conseguem, prontas para acolher um pequeno ser com todo amor e carinho. Dê a chance que essa pequena alma recebeu de Deus. Enquanto eu, preciso orar para perdoar e não mais julgar. Abraços.

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Raquel, Paz e Bem ao teu coração!

      Que bom que gostou de minhas palavras, as vezes penso que estou falando as paredes, ao vento, mas quando recebo comentários como os seus, quando recebo testemunhos de pessoas que conseguiram “não abortar”, que me pediram ajuda e eu mesmo com minhas limitações as ajudei, vejo que minha missão não pode parar, vamos avante, em defesa da vida!

  12. Meg disse:

    Fabiana,
    Quero dizer que independente dos motivos pelo qual se procure uma clínica ou medicamentos ou qualquer outro método abortivo, peço que não o façam pelo amor de Deus! No ano de 2000 engravidei do meu companheiro que há 5 anos vivíamos juntos e felizes. Bastou chegar a gravidez e ele revelar seu desejo de nao ser pai pois nao se “achava preparado” e ainda tinha muito o que curtir. Fui abandonada, sem o carinho e apoio de meus pais, fiquei confusa e fui pedir orientação e auxílio ao amigos (as) e parentes, e todos me apoiara a abortar, inclusive minha mãe que nao queria mais uma despesa sendo que eu nao dependia dela financeiramente. Então cometi o crime! Minha mãe me incentivou e me acompanhou a uma clínica de aborto, e em nenhum momento eu queria fazer aquilo, mais nao queria também ser mãe solteira, fruto de uma família dividida… assim pensava eu na época, sem me dar conta que o que mais importava era simplesmente a vida. Ainda hoje, nove anos depois e alguns meses, sinto os resultados do crime que cometi contra minha vida, contra o amor, contra tudo o que há de mais sagrado… Eu era uma pessoa independente, segura, criativa, animada, positiva, feliz… Hoje sofro de depressão, síndrome do pânico, ansiedade, medo. Estou casada novamente, nao tenho filhos pois gravidez para mim se tornou um grande medo, um grande pavor, todo o meu equilíbrio psicológico desestruturou. Não sou mais a mesma, encontrei a Paz em Jesus, que é quem me sustenta nesta caminhada, e a quem peço perdão de meu pecado mais mortal! E falo a todas as mulheres que pensam em cometer este ato tao fatal e cruel: Não o façam pelo amor de Deus, nao importa as consequencias, confie que Deus tudo proverá, a maior batalha nao é criar uma criança, a pior batalha é conviver com a culpa e a incompetencia de ter podido ter gerado um milagre do nosso Deus. Pois filhos nao são nossos, são apenas gerados por nós mulheres, e Deus nos deu este dom tão inigualável e especial, nao importa a cor, a idade, a natureza é perfeita e sabe o momento de todas as coisas, se vc está grávida, tenha a certeza de que esta é a hora mais certa de se tornar uma mãe abençoada. Fiquem com Deus.

    • fabianapaulaodm disse:

      Caríssima Meg, Paz e Bem ao teu coração!

      Sua história me tocou muito! como que gostaria que todas as mulheres grávidas pudessem ler seu testemunho e saberem o grande crime e as sequelas físicas, emocionais, psicológicas e espirituais que um aborto provoca.

      Muito obrigada por ter colaborado no meu blog!

      Deus te abençoe e que sua história sirva de exemplo e que mesmo tendo praticado o aborto, hoje você seja uma ativista contra o aborto e leve a bandeira da vida onde quer que esteja.

      Fraternalmente,
      Fabiana.

  13. Laís disse:

    Minha irmã esta gravida e tem apenas 17 anos,minha familia esta completamente perdida,minha irma quer fazer um aborto,todos falamos que isso nao é certo.

    leião isso.
    Carta de um Bebê
    Oi mamãe, tudo bom?

    Eu estou bem, graças a Deus faz apenas alguns dias que você me concebeu em sua barriguinha.
    Na verdade, não posso explicar como estou feliz em saber que você será minha mamãe, outra coisa que me enche de orgulho é ver o amor com que fui concebido.

    Tudo parece indicar que eu serei a criança
    mais feliz do mundo !!!!!!
    Mamãe, já passou um mês desde que fui concebido,
    e já começo a ver como o
    meu corpinho começa a se formar, quer dizer,
    não estou tão lindo como você,
    mas me dê uma oportunidade !!!!!!
    Estou muito feliz!!!!!!

    Mas tem algo que me deixa preocupado…
    Ultimamente me dei conta de que há algo na sua
    cabeça que não me deixa dormir, mas tudo bem,
    isso vai passar, não se desespere.
    Mamãe, já passaram dois meses e meio, estou muito feliz com
    minhas novas mãos e tenho vontade de usá-las para brincar…

    Mamãezinha me diga o que foi?
    Por que você chora tanto todas as noites??
    Porque quando você e o papai se encontram,
    gritam tanto um com o outro?
    Vocês não me querem mais ou o que?
    Vou fazer o possível para que me queiram…

    Já passaram 3 meses, mamãe,
    te noto muito deprimida, não entendo
    o que está acontecendo, estou muito confuso.
    Hoje de manhã fomos ao médico e ele marcou
    uma visita amanhã.

    Não entendo, eu me sinto muito bem….
    por acaso você se sente mal mamãe?

    Mamãe, já é dia, onde vamos?
    O que está acontecendo mamãe??
    Porque choras??
    Não chore, não vai acontecer nada…
    Mamãe, não se deite, ainda são 2 horas da tarde,
    não tenho sono, quero continuar brincando
    com minhas mãozinhas.

    Ei !!!!!! O que esse tubinho
    está fazendo na minha casinha??
    É um brinquedo novo??
    Olha !!!!!! Ei, porque estão sugando minha casa??
    Mamãe !!!!

    Espere, essa é a minha mãozinha!!!!
    Moço, porque a arrancou??
    Não vê que me machuca??
    Mamãe, me defenda !!!!!!
    Mamãe, me ajude !!!!!!!!
    Não vê que ainda sou muito pequeno
    para me defender sozinho??

    Mãe, a minha perninha, estão arrancando.
    Diga para eles pararem, juro a você que vou me comportar bem e que não vou mais te chutar.

    Como é possível que um ser humano possa fazer isso comigo? Ele vai ver só quando eu for grande e forte…..
    ai…..
    mamãe, já não consigo mais…
    ai…
    mamãe, mamãe, me ajude…

    Mamãe, já se passaram 17 anos desde aquele dia,
    e eu daqui de cima observo como ainda te machuca
    ter tomado aquela decisão.

    Por favor, não chore, lembre-se
    que te amo muito e que estarei aqui te esperando
    com muitos abraços e beijos.
    Te amo muito

    Seu bebê.

    • fabianapaulaodm disse:

      Laís, Paz e Bem ao teu coração!

      Sempre que leio ou ouço essa linda carta ao bebê, fico muito tocada e imagino quantas crianças não escrevem todos os dias cartas a suas mães que por motivos diferentes abortam seus bebês.

      Não podemos nos calar diante do grito silencioso de tantos bebês abortados todos os dias, às vezes parece que nossas palavras não surtem efeitos, mas tenho observado que mesmo se atingimos um pequeno público, nossa missão é válida, se uma vida apenas for preservada da morte prematuram devemos estar felizes, pois fizemos a diferença.

      Obrigada por sua participação e ajude sua irmã, saiba que os filhos são presentes de Deus, são bênção e com certeza, trará muitas alegrias a todos vocês.

      Volte sempre ao meu blog!
      Fraternalmente,
      Fabiana Paula.

  14. daia disse:

    fabiana tenho 16 anos e tenho 1 filha de 8 meses,sou casada ha 1 ano mas estou esperando outro bb oque faço minha filha e muito novinha me ajude por favor.obrigada

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida jovem, Paz e Bem ao teu coração!

      Sei que vc pe muito jovem e já é mãe,mas isso não justifica vc pensar na hipótese de abortar seu filho.

      Você carrega dentro de você uma nova vida e isso é muito importante, por mais que as condições financeiras e a sua idade sejam realmente fatores que geram uma situação difícil, mas saiba que o aborto não é a solução.

      Vc mora com seus pais, tem um companheiro?

      Coloco-me a sua disposição para aconselhá-la no que for possível. Falaremos melhor por email.

      Abraço forte,
      Fabiana.

  15. alina disse:

    tudo que li gostaria de ter lido antes, pois tambem estive gravida e abortei, hoje arrependo.me porque minha mae não queria que eu tivese nem minha irma, antes pensei em ter porque meu namorado era mais velho e ele estava disposto a assumir. mas tive reçeio da minha mãe ela disse que era o melhor porque eu só tenho 15 anos agora dou por mim a churar sem saber porque e logo me lembro que sinto o erro que cometi essa hora podia tar com uma enorme barriga e pensando na coisa mais maravilhosa que deus me deu, é durro passar por tudo isso pois eu estava de 4 meses até poderia ter sabido o sexo do bb… passei mt mal bastantes dores porque tumei uma quantidade de comprimidos exuberante, bom não escrevo mais pois ja me vem lagrimas nus olhos nãoi abortem eu lendo tudo ja sei u ke dizer a uma amga ke esta a passar por tal ela tambm esta e ker tirar mais não contou aos pais é possivel uma pessoa não ter nução do que faz ela deve dizer aos pais o que acham que uma amga deva contar?

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Alina, Paz e Bem ao teu coração!

      Realmente sua história não é fácil e às vezes pagamos caro por uma decisão tomada de maneira errada. Bem, o que tirar dessa história toda? você pode ser uma porta-voz contra o aborto, partilhando,testemunhando as consequências e os problemas psicológicos e físicos de alguém que abortou. Não deixe que sua história e a de seu bebê acabem assim, pois tudo isso agora deve servir de alerta e de exemplo para outras meninas jovens como você, que sob pressão ou má inflência abortam.

      Acho que sua amiga deve contar aos pais, pois os pais são(ou deveriam ser) os melhores amigos de alguém, se os pais não concordarem ela não deve ceder as pressões e deve dar prosseguimento a sua gestação. Tenho visto muito isso, no início os pais sempre ficam decepcionados,mas depois que a criança nasce é uma alegria e uma bênção para a família.

      Querida Alina, que Jesus e Maria te abençoem muito! Volte sempre ao meu blog quando quiser!
      Abraço fraterno,
      Fabiana Paula.

  16. alina disse:

    sim eu ja lhe disse para ela contar nus pais ela quer fazer na clinica ja marcou consulta na maternidade mas ela pode tirra sem os pais saberem ela é menor

  17. Thalita disse:

    Fabiana, eu tenho 16 anos, e acho que estou esperando um bebê, pois a minha menstruação está atrasada há 15 dias. Eu não queria deixar o bebê nascer, pois sou nova demais, meu pai não vai aceitar a minha gravidez, minha mãe ajuda a minha irmã que ja teve depressão e o meu irmão está desempregado. O meu noivo, tem 18 anos e faz faculdade de Direito, não trabalha ainda e eu estou no 2º ano colegial. Não sei mais oque fazer. Me ajude! desde ja agradeço !

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Thalita, Boa Noite !

      Que bom que você escreveu para mim, fico feliz por isso.

      Bem, vamos ao assunto de seu email. Primeiro você comenta que ainda não tem certeza se está grávida, seria bom que mesmo diante de tudo você fizesse um teste de gravidez, nas famácias você pode comprar.

      Depois caso seja confirmada a gravidez, você deve manter a calma e saber que um filho é um dom de Deus, um presente que recebemos e mesmo que você tenha pouca idade e alguns problemas familiares e seu noivo ainda esteja estudando, a criança não pode pagar com a vida…

      No início será um susto, mas com o passar do tempo, seus familiares irão se acostumar e com certeza essa criança será muito querida e amada.

      O aborto é um assassinato de um inocente que não pediu para vir ao mundo, mas que um vez gerado, tem o direito de viver…

      Com relação a sua idade e de seu noivo e o fato dele ainda só estudar, você deve lembrar que toda escolha traz conseqüências e a gravidez é uma dessas conseqüências. Pois eu tenho uma testemunha: Minha irmã aos 14 anos engravidou do namorado eu me lembro que no primeiro momento minha mãe ficou muito Assustada, porém logo passou hoje meu sobrinho tem 18 anos e é um filho, neto, sobrinho e irmão maravilhoso; tudo isso por que demos a ele o direito Que foi dado a você e a mim, o direito de nascer.
      Contei-lhe isso para dizer que apesar de no primeiro momento passar por algumas dificuldades e que virá é bem maior e melhor, pois se confirmada essa Gravidez tenha a Certeza de que essa criança lhe dará muitas felicidades, estarei rezando por você para que o Espírito Santo te dê força e coragem.

      Bem querida Thalita, o mais importante é que você agora mantenha a calma e caso realmente esteja grávida assuma sua gravidez e conte toda a verdade a sua família e NÃO ACEITE nenhuma proposta de aborto, pois o aborto traz terríveis consequencias a quem o pratica, além de ser um assassinato de um inocente.

      Ficarei no aguardo de notícias suas e desde já conte com minhas orações, estarei rezando por você para que tudo dê certo. Reze também, entregue nas mãos de Jesus sua vida e todas as suas maiores necessidades, Ele está contigo e não te desemparará.

      Um forte abraço e que Jesus e Maria te abençoem!
      Fabiana.

    • Karina disse:

      Thalita, sei que já se passou um mês desse post e, se de fato você estiver grávida, também quero dar um testemunho:

      minha prima engravidou aos 14 anos, o namorado dela era um “boa vida” danado, mal mal queria saber de estudar, e ela não ficava muito atrás. Meus tios ficaram chocados com a situação, muito, muito chateados.

      Meu afilhado hoje tem 14 anos, é um amor de criança, tem mais dois irmãos lindos, e semana passada minha prima comemorou 15 anos de casamento. Os meus tios não conseguem imaginar a vida deles sem o neto. Pois é, Deus fez tudo se acertar no tempo dEle, só para você ter idéia meu pai ofereceu emprego (coisa pouca, auxíliar de escriório) para o namorado dela na época, mesmo tendo maior preconceito contra ele, e hoje eles são grandes amigos, os dois se adoram.

      Deus há de te ajudar, lembre-se que quem colocou esse bebê no mundo foi Ele, por algum propósito, e Ele há de te apontar meios para criá-los, e não precisa ser com luxo não, basta criá-lo com dignidade.

  18. lalinha disse:

    fabiana,sei que vc é contra o aborto mas ha determinados casos como o meu que não se tem saida, ou vc faz ou se perde o que se tem.
    não digo materia, mas algo precioso, por exemplo no meu caso eu tenho que escolher entre ficar com o meu filho de dois anos e tirar este ou ficar com este e perder o meu filho, porque:
    a minha mãe quer que eu me case com o pai desta criança só ela me disse que eu não vou poder levar o meu filho comigo, porque ela se acostumou com ele.Além do que tbm não quero levar ele pois o lugar para onde eu tenho que ir é muito pequeno e mal cabe ele é um lugar com uma peça só onde cabe uma cama de casal um guarda-roupas uma mesa, um a geladeira e um fogão, não tem espeço nem se quer para montar um berço la dentro.
    a casa dele é feita de madeira e entra muita poeira é frio a noite e muito quente de dia.
    Só que o pior é oque vem agora ele era da policia e foi desligado por motivo de suspeita de trafico de drogas, ele é uma pessoa muito agressiva e posessiva, por varias vezes ameaçou me de me bater por coisas sem sentido um esmalte que ele não gostou, ou porque ele me viu conversando com alguém que ele não gosta, ele não gosta dos meus pais e me disse que eu nãovou poder vir ver a minha mãe, porque ele não gosta do meu pai, me disse que eu vou ter que jogar as minhas roupas fora ele vai comprar novas, roupas de evangélicas como ele mesmo me disse as minhas estão muito curtas.
    agora eu te pergunto fabiana o que eu faço a minha mãe não me quer mais dentro de casa para onde eu vou o que eu vou fazer ?

  19. kelli disse:

    fabiana!
    oq faço?????
    tenho um filho de 4 anos e estou gravida denovo!!!
    sou separada do pai do meu primeiro filho e estou gravida de otro! ele me disse que se eu engravidasse de otro ele tiraria meu filho de mim!!!
    fabiana nao quero perder meu menino……
    o unico jeito é o aborto, só matando um terei o otro!!! me ajuda por favor!!!!

  20. Karina disse:

    Bom dia, Fabiana!

    Deus abençoe seu trabalho de formiguinha! Ainda que apenas uma dessas crianças seja salva, já valerá a pena.

    Tenho um filho de 1 ano e 1 mês, quando engravidei, estava na pior fase do meu namoro, havíamos nos magoado muito, inclusive tive que engolir calada a célebre frase “esse filho é meu mesmo?”, mesmo sabendo que não havia chance, dado o tempo de gestação, de ser de outra pessoa.

    Meu meio-ex-namorado estava desempregado, nem ele nem eu queríamos nos ver, meus pais ficaram extremamente magoados comigo, mas uma coisa eu tinha certeza: meu bebê me traria alegria.

    E como eu estava certa. Meu filho é lindo, tem os avós mais corujas do mundo, e eu e o pai dele estamos juntos há um ano, ele é um pai super babão. Além disso, como pude ver as coisas horríveis que eu estava fazendo comigo mesma, como estava me desvalorizando perante Deus e até mesmo perante os homens.

    Quero dizer uma coisa às moças que porventura lerem esse comentário:

    Deus não nos desampara. A primeira missa que assisti após descobrir a gravidez foi justamente sobre o Evangelho que nos lembra que Ele não nos deixa órfãos.

    Isso eu pude comprovar durante todos esses meses. Quantas graças Deus me deu, apenas por não ter rejeitado o filho que Ele queria trazer ao mundo.

    Basta a gente estar aberta à conversão, instintivamente querer fazer o melhor pelo nosso filho. Deus faz o resto.

    Como disse a menininha de 10 anos ontem no Fantástico, sobre as dificuldades que ela enfrentou para chegar a tocar piano num teatro: “se Deus me deu o dom para tocar piano, como ele não me dará os meios para que eu possa desenvolver esse dom?”

    Quem dirá um filho!! Um filho de Deus, antes de tudo!

    A maternidade é uma coisa sagrada, é o maior dom que podemos receber, não somos nada perto da Virgem Maria, mas por ela também somo bem aventuradas por dar à luz um filhinho de Deus.

    Mães, confiem em Deus, saibam que, assim como Ele livrou Maria do apedrejamento não deixando-a sem marido, iluminando José para se casar com ela, e livrou-os da fúria dos inimigos após o nascimento de Jesus, assim também Ele está disposto a amparar-te nesse momento, por mais difícil que ele possa parecer.

    • Fabiana Paula disse:

      Querida Karina, Paz e Bem!

      Obrigada por ter escrito esse belíssimo comentário. Como foi emocionate ler cada parte dele e saber que temos que continuar a lutar pela vida, custe o que custar!

      Obrigada, volte sempre e esteja à vontade para deixar um comentário edificante como esse!
      Em Cristo,
      Fabiana Paula.

      • Karina disse:

        Fabiana, eu já era contra o aborto antes de engravidar. Agora, quando olho nos olhos do meu filho e lembro que para muitas mulheres a vida dele nada vale, que ele apenas “deu sorte”, eu fico extremamente triste, porque eu vejo quanta coisa boa ele traz não só para mim, mas para pessoas que nem são da minha família.

        Estarei sempre por aqui, pode ter certeza, e sempre que você precisar de uma ajuda na luta pela VIDA, pode me chamar!

        A paz de Cristo!
        Karina

  21. F. T.A. disse:

    Ola,eu entendo que aborto é crime ..
    mas nao posso ter esse filho agora,queria muito um remedio para abortar pois tenho somente 13 anos…por favor!!!me ajudem ….
    Minha mae é brava,vou ficar sozinha neste mundo…me ajude..
    Obrifgadoo

  22. kaka disse:

    gostaria de saber se recebeu meu e mail.
    obrigado

  23. kaka disse:

    BOA NOITE
    ESTOU MUITO INSEGURA NAO SABENDO O QUE FAZER;TENHO 26ANOS E TENHO UM FILHO DE 2ANOS E 4MESES.SOU SEPARADA TENHO UMA FAMILIA QUE NAO SE IMPORTA MUITO COM AS COISAS E QUE SO PENSAM NELAS.MINHA VIDA E DIFICIL MINHA GRAVIZEZ DA PRIMEIRA GESTAÇAO FOI MUITO HORRIVEL.MEU EX MARIDO ERA HORRIVEL ME BATIA,DE DEIXAVA SOZINHA E SAIA MEU FILHO TEM BRONQUITE E ELE NAO SE IMPORTAVA CHEGOU AO FINAL HJ ME SEPAREI.CONHECI OUTRA PESSOA QUE ESTOU A 9 MESES QUE NAMORO ELE TEM 25ANOS E MEDICO CLINICO.E VAI COMEÇAR A FAZER POS DELE.SO QUE TBEM TENHO PROJETOS PRA MINHA VIDA TBEM ACHO QUE NAO ERA ELE QUE IA FICAR PRO RESTO DA VIDA,COMO ELE TBEM PENSA NISSO.E FORA QUE AGORA QUE MEU PRIMEIRO FILHO JA ESTA MAIOR EU CM FILHO PEQUENO NOVAMENTE.E ELE NAO QUER ESSA GRAVIDEZ TBEM ELE TBEM CONCORDOU COMIGO SENDO QUE NAO ERA ESSA REAÇAO QUE ESPERAVA DELE.ELE DIZ QUE ME AMA MAIS NAO E O UE DEMOSTRA.ELE DISSE QUE E APOIA NO QUE EU FIZER;ELE JA ATE MARCOU A CLINICA PRA MANHA TIRAR ESSA CRIANÇA ELE NAO AGUENTA MAIS ESTA SITUAÇAO.A IMPRESSAO QUE TENHO QUE QUER SE LIVRAR DISSO LOGO,E ELE ESTA CIENTE SABENDO QUE EU NA VOU FICAR COM ELE APOS ISSO ACNTECER.ESTOU COM MUITO NOJO DELE …O QUE EU FAÇO NA QUERO TER UMA GRAVIDEZ AONDE ELE VAI ENGULIR E NAO PQ QUER.QUERIA NA MINHA PROXIMA GRAVIDEZ UMA SITUAÇAO BEM CARINHOSA,COM BASTANTE AMOR E TER UMA FAMILIA NAO QUERIA UE ACONTECESE O MESMO COMO DA PRIMEIRA…O QUE FAÇO ???ESTOU DESESPARADA

  24. fabianapaulaodm disse:

    Minha querida, por favor não aborte seu bebê!

    Ele não tem culpa de seus erros, ele não pode pagar com a vida, por ato impensado.

    Se seu namorado apoia o aborto, é porque ele não te ama sufuciente e ele como médico, deveria ser o primeiro a amar a vida. Que triste é saber que há médicos que formaram-se para salvar vidas e por egoísmo e falta de Deus no coração, apoiam o assassinato de inocentes.

    Não aborte seu filho, ele(ou ela), será motivo de alegria e felicidade para vc.

    Se vc o abortar carregará até o dia de sua morte o peso de ter matado seu próprio bebê.

    São tristes os relatos das mães que abortam. Pesadelos, depressões e tantas outras doenças que acompanham essas mulheres.

    Minha querida, não sei se vc é cristã, mas se acredita em Deus, saiba que tudo na vida tem um propósito e que vc assuma o que fez. Agora grávida, veja nessa gravidez uma bênção, não algo ruim.

    Conte com meus conselhos e orações, mas quero lhe pedir em nome de Deus:

    NÃO ABORTE! DEIXE SEU FILHO VIVER!

    Fico no aguardo de notícias,
    Fabiana.

  25. anônima disse:

    Fabiana ontem descobri q estou gravida ñ quero tirar o meu bb mas eu preciso eu me apaixonei pelo me proprio irmão nós dois nos amamos e agora geramos um filho e eu sei q deus ñ me condena por isso eu sei q a os olhos humanos isso é terrível, mas eu sou uma pessoa de muita fé q acredita muito em deus converço muito com ele conto pra ele os meus problemas tenho muita esperiêncais com cristo e sei q ele jamais me condena até pq a humanidade começou assim ñ q eu queira q ela fique novamente assim pq isso q se passa em minha vd eu ñ escolhi aconteceu e é um sentimento tão lindo é claro q nós ñ fomos criados juntos, a unica coisa q eu sei q deus vai me condenar é por esse aborto pq eu vou me condenar tb pelo resto da vd já estou me condenando, mas n´s estamos sem trabalhar ñ temos cm criar esse filho ñ temos condições e ñ temos ninguém a o nosso lado, estou muito triste, muito, muito, muito… o q mas me tocou foi uma carta q li vou posta-lá aqui:
    Oi mamãe, tudo bom?

    Eu estou bem, graças a Deus faz apenas alguns dias que você me concebeu em sua barriguinha.
    Na verdade, não posso explicar como estou feliz em saber que você será minha mamãe, outra coisa que me enche de orgulho é ver o amor com que fui concebido.

    Tudo parece indicar que eu serei a criança
    mais feliz do mundo !!!!!!
    Mamãe, já passou um mês desde que fui concebido,
    e já começo a ver como o
    meu corpinho começa a se formar, quer dizer,
    não estou tão lindo como você,
    mas me dê uma oportunidade !!!!!!
    Estou muito feliz!!!!!!

    Mas tem algo que me deixa preocupado…
    Ultimamente me dei conta de que há algo na sua
    cabeça que não me deixa dormir, mas tudo bem,
    isso vai passar, não se desespere.
    Mamãe, já passaram dois meses e meio, estou muito feliz com
    minhas novas mãos e tenho vontade de usá-las para brincar…

    Mamãezinha me diga o que foi?
    Por que você chora tanto todas as noites??
    Porque quando você e o papai se encontram,
    gritam tanto um com o outro?
    Vocês não me querem mais ou o que?
    Vou fazer o possível para que me queiram…

    Já passaram 3 meses, mamãe,
    te noto muito deprimida, não entendo
    o que está acontecendo, estou muito confuso.
    Hoje de manhã fomos ao médico e ele marcou
    uma visita amanhã.

    Não entendo, eu me sinto muito bem….
    por acaso você se sente mal mamãe?

    Mamãe, já é dia, onde vamos?
    O que está acontecendo mamãe??
    Porque choras??
    Não chore, não vai acontecer nada…
    Mamãe, não se deite, ainda são 2 horas da tarde,
    não tenho sono, quero continuar brincando
    com minhas mãozinhas.

    Ei !!!!!! O que esse tubinho
    está fazendo na minha casinha??
    É um brinquedo novo??
    Olha !!!!!! Ei, porque estão sugando minha casa??
    Mamãe !!!!

    Espere, essa é a minha mãozinha!!!!
    Moço, porque a arrancou??
    Não vê que me machuca??
    Mamãe, me defenda !!!!!!
    Mamãe, me ajude !!!!!!!!
    Não vê que ainda sou muito pequeno
    para me defender sozinho??

    Mãe, a minha perninha, estão arrancando.
    Diga para eles pararem, juro a você que vou me comportar bem e que não vou mais te chutar.

    Como é possível que um ser humano possa fazer isso comigo? Ele vai ver só quando eu for grande e forte…..
    ai…..
    mamãe, já não consigo mais…
    ai…
    mamãe, mamãe, me ajude…

    Mamãe, já se passaram 17 anos desde aquele dia,
    e eu daqui de cima observo como ainda te machuca
    ter tomado aquela decisão.

    Por favor, não chore, lembre-se
    que te amo muito e que estarei aqui te esperando
    com muitos abraços e beijos.
    Te amo muito

    Seu bebê.

    QUE DEUS TENHA PENA DE NOSSAS ALMAS!
    Tenhamos consciência.
    Digam NÃO ao aborto!
    publiquei ela no meu blog mas pra quê se eu mesma quero cometer este ato orivel.

  26. Fabiana Paula disse:

    Minha querida irmã em Cristo, Paz e Bem ao teu coração!

    Eu não quero aqui discutir a sua relação com seu irmão, mesmo tendo meu pensamento formado sobre o assunto.

    No momento a coisa msis urgente é que você não aborte seu filho, não importa quem é o pai ou a situação que você encontra. A criança não pode pagar com a vida dela, os atos impensados de seus pais.

    Você mesma tem essa consciência, vejo pelo texto que colocou abaixo.

    Permita que sue filho(a) nasça…

    Se você não quiser ficar com o bebê poderá dar para doação, existem muitos casais esperando na fila para adotar bebês recém-nascidos.

    POR FAVOR NÃO ABORTE!
    PELO AMOR DO BOM DEUS, DEIXE SEU FILHO NASCER!

    CONTE COM MINHAS ORAÇÕES E APOIO PARA NÃO ABORTAR.
    FABIANA PAULA

  27. anônima disse:

    fabi vou decidir o q vou fazer acho q ainda tenho tempo e qualquer decisão q eu tomar eu volto a entrar em contato com vc.

  28. juliana disse:

    estou passando por um momento muito dificil, é peço uma palavra amiga! pois estou quase fazendo uma besteira. bom sou casada meu esposo trabalho viajando depois de passar 6 meses sem vir em casa pensei que ele tivesse casado com outra , fiquei triste deprimida,depoois de 6 meses tive relaçoes com outro homem, com dois dias meu esposo chegou em casa, agora descobrir que estou gravida não sei de quem é estou desesperada pensando em abortar pois não vou conseguir finjir por muito tempo, e se ele descobrir tenho ate medo do que possa acontecer.

  29. Fabiana Paula disse:

    Minha querida irmã em Cristo, Paz e Bem ao teu coração!

    Li seu email e é bem preocupante sua situação.

    Vejo que é bom você conversar com seu esposo e exponha toda a verdade. Diga a ele que nesses 6 meses ele não deu notícias e você achou que ele tinha lhe deixado, por isso, conheceu uma pessoa e está grávida. Nesse caso, a melhor coisa é dizer a verdade. E assumir seu filho(a). O bebê não pode pagar com a vida por uma escolha equivocada.

    Você carrega uma vida dentro de você, que não pode ser de forma alguma tirada.

    Entregue toda essa situação a Jesus. Colocando toda essa situação nas mãos D’Ele.

    Tudo pode ser mudado pela força da oração!
    coloque seu email para eu lhe responder diretamente por email.

    Abração fraterno,
    Fabiana.

  30. rb disse:

    tenho 31 anos um filho lindo com 19 meses…trabalhava com o meu marido na nossa fabrica e tudo andava financeiramente bem, mas os problemas vieram… e hoje se não fosse a familia do meu marido e a minha nem um copo de leite tinha para o meu filho, levaram-me tudo, tenho dividas por todo o lado, a renda atrasada o carro atrasado tudo…o que ainda me tem mantido viva tem sido o meu filhote, o mundo desabou á tres semanas quando descobri que estava gravida é muito dificil.sempre fui contra o aborto, ja fui a uma consulta e marquei mas pedimos para adiar, mas sei que nao vai haver nenhum milagre a minha vida nao vai mudar de amanhã a oito dias dia 7 vou acabar com parte de mim vou começar a morrer aos poucos pois é isso que eu sinto que vai acontecer…tenho uma vida dentro de mim q vou matar, nao sei o que vira depois mas sei q nao vou ser mais a mesma porque matei, esta criança nao tem culpa, vou para sempre ficar com esta magoa e a tristeza no coração, que Deus me perdoe porque eu nunca me vou perdoar, peço desculpa por estas palavras mas nao posso falar com ninguem so o meu marido e a minha sogra e que sabem e o meu marido tambem, anda descontrolado por isso nen lhe falo no assunto mas sinto que so o meu filhote é que nos vai manter unidos depois disto, mas nao tenho como mudar cometi um erro e vou pagar o resto da vida por ele

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida irmã, Paz e Bem!

      Não entendi bem, mas me parece que você ainda não abortou, não é mesmo?

      Se você ainda não abortou há tempo de mudar de idéia. Você mesma disse que sabe que sua vida jamais será a mesma, então, minha mãe, deixe seu filho nascer, permita que ele viva, ele não tem culpa de seus problemas financeiros e da situação que você está passando. Se não puder criá-lo, você poderá dá-lo a um parente ou familiar ou em último caso para adoção, mas não mate o seu bebê.

      Você disse que ama o filho que já tem, então, já imaginou se você tivesse abortado ele? Pense então que esse novo filho lhe trará muitas alegria e prosperidade para você e todos os seus.

      Um filho é uma dádiva, uma bênção de Deus…
      Permita, deixe ele viver e sua vida será transformada, creia nisso…

      Em Cristo,
      Fabiana Paula.

  31. Anonima disse:

    Tenho 13 ano,e transei com meu namorado pela3° vez mas infelizmente a camisinha estourou,mas minha menstruação veio,mas estou tendo enjoos tonturas
    Ai eu fui falar com ele que eu achava que estava gravida e ele dise pra mim concertar meu erro
    Ai eu fiz um teste de farmacia e deu negativo,mas eu pssei do nivel maxiimo tem problema?
    ai eu cheguei nele e disse que eu não estava
    mas agora tudo indica que eu estou,mas eu quero abortar eu sei que é errado mas se minha familia descobrir eles me colocam pra fora de casa,e se caso eu não conseguir abortar eu me mato.
    Será que dá pámim abortar em casa tomando pilulas?
    Ou eu vou ter que ser levada ao medico pois pode me dar hemorragia internaa.?
    Oque eu faço?

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida irmã em Cristo,
      Abortar não vai resolver o problema, só complicar mais.
      Converse com sua família sobre isso, no início eles poderão até falar, mas depois vc verá que tudo será resolvido.
      Seu filho(a), será uma grande bênção para sua vida.
      Conte com minhas orações,
      Fabiana.

  32. Anonima disse:

    Tnho estrutura corporal para abortar tenho apenas 13 anos?
    E se eu estiver não quero falar pra ele.
    devo contar?
    O que eu faço estou deseperada
    ajude-me!

  33. Anonima disse:

    Estou com 4semanaas ainda Há tempo de abortar?
    respondame o mais depressa possivel!

    • fabianapaulaodm disse:

      Sim, vou te responder por email, não se preocupe, mas desde já vc tem sim tempo para esperar e ter seu bebê.

      Vamos nos comunicar por email.
      Deus te abençoe,
      Fabiana

  34. Anonima disse:

    Não me diga pra não abortar pois de qualquer forma eu vou fazer isso!
    por isso estou lhe pedindo ajuda,diga-me o metodo mais facil de abortar,

  35. raquel disse:

    apaz acho que estou gravida mais tenho medo da miha familia n aseita o cara com que eu tive relaçoa falou ate em aborto mais eu sei que e presente de deus o que faço enfreto minha minha familia sim ou n ou faço um aborto

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida Raquel, Paz !

      Como vc mesma disse o bebê é um presente de Deus, então, não cogite a hipótese do aborto, como já lhe disse por email, dê tempo ao tempo, sua família irá aceitar e quando o bebê nascer, vão amá-lo muito, vc verá! Vamos rezar e pedir a bênção e proteção de Deus, procure uma Igreja próxima a sua casa e se aproxime de pessoas de Deus que poderão lhe dar bons conselhos e lhe assisitir da melhor forma possível.

      Um forte abraço e conte comigo!
      Fabiana

  36. Thaissa disse:

    Eu só tenho 15 anos , e sinceramente não sei onde eu estava com a cabeça quando tive relação sem preservativo . Agora minha menstruação está atrasada , e eu estou com muito medo , pois com 15 anos não posso nen cuidar de mim mesma , quem dirá qe uma criança .
    Tenho medo de abortar e aca bar estragando com a minha própria vida . Mas tendo essa crinça ( se eu estiver mesmo gravida) tambem vou estar estragando . Então não sei o que fazer . Por favor me ajudem !

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Taíssa, Paz e Bem!
      Sei que vc é muito jovem, mas se está mesmo grávida, deve falar com sua família e contar tudo. A verdade é o melhor caminho para resolver os problemas.

      Converse com seus pais, mas não aborte, pois o aborto não é a solução para a sua situação. A solução é uma boa conversa e tudo será resolvido.

      Aguardo seu retorno e conte com minhas orações. Deixe seu bebê nascer(caso esteja grávida), ele será um grande presente de Deus em sua vida.
      Minha irmã foi mãe aos 15 anos e hoje tem um filho de 22 anos que é a maior alegria da vida dela.
      Pense nisso!
      Um forte abraço e que Jesus te abençoe e ilumine!
      Fabiana.

  37. Camila disse:

    Oii eu tenho 20 anos tenho um filho de quatro anos, fui mae muito nova , foi muito dificil pra minha familia quando fiquei gravida , e agora descobri que por descuido acabei engravidando de novo , o meu namorado diz que esta feliz , eu moro com meus pais , e estou com muito medo de contar para eles o que esta acontecendo , pensei ate em aborto mais , ontem fiz a ultrasom e vi meu bebe , estou já de 4 meses e vi que é um menininho , por favor me ajude , preciso muito de palavras que me me ajudem a levar isso para frente …obrigado …

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Camila, Paz e Bem!

      Como você já partilhou em seu comentário, essa gravidez está trazendo alegri ao pai da criança e a você também, talvez seus pais fiquem um pouco preocupados a princípio, mas com certeza depois vão se alegrar e curtir muito essa nova vida que está por vir. Toda criança é um presente de Deus e com certeza seu filhinho irá trazer muitas bênçãos e alegrias em sua vida, creia nisso!

      Você é católica? Que tal rezar, pedir a Nossa Senhora que é a mãe de todas as mãos que abençoe sua gravidez, seu bebê, seu relacioamento e que lhe dê muita sabedoria para que você possa guiar com prudência seu caminho e fazer sempre boas escolhas.
      Escreva para mim quando quiser, será um prazer conversarmos. Conte com minhas orações.
      Fraternalmente,
      Fabiana.

  38. Leticia disse:

    É isso ai fazer e uma coisa muitotirte emtom porque fazer um filho porque emgravidar o filho e um presente de Deus, Deus criou a mulher o homem e o filho porque e ntao abordar uma pessoas bsignitificativa na nossa vida Deus sabe o crime que comete ñ aborde issom e crime com uma criança inossente

  39. Leticia disse:

    É isso ai fazer abordo e uma coisa muito triste emtao porque fazer um filho porque emgravidar o filho e um presente de Deus, Deus criou a mulher o homem e o filho porque entao abordar uma pessoas signitificativa na nossa vida Deus sabe o crime que comete ñ aborde isso e crime com uma criança inossente

  40. Desirée disse:

    Oi Fabiana.
    Tenho 17 anos, e acho qe estou gravida, meu corpo esta muito diferente. Estou com medo de estar gravida pois meu namorado tem a mesma idade qe eu, nos temos planos de se casar so qe daqui a 2 anos, nós naum temos condições de criar essa criança, por qe so ele trabalha e eu estou em busca de um emprego. E tbm tem o fato dos nossos pais, a mãe dele nunca gostou de mim, e quando ela descobrir qe “posso” estar gravida ela vai me matar e matar ele tbm. O qe eu posso fazer? Por favor me ajuda, se eu estiver gravida eu preciso abortar. Eu e o meu namorado ja conversamos sobre esse assunto, ele disse, qe se nos tivesemos casa para poder morar ele naum deixaria eu abortar. Preciso de ajuda. Por favor me ajuda?

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Desirée, Paz e Bem!

      Obrigada por ter me escrito querida,
      Meu conselho é que você procure as pessoas que vc ama, seus amigos ou parentes que possam lhe ajudar.

      Não aborte, saiba que se você está grávida, Deus está lhe premiando com um lindo presente e você com certeza não irá se arrepender se der continuidade a sua gestação.

      Procure as pessoas que vc ama e lhe peço, não mate o seu bebê, ele é a parte mais inocente e não pode pagar com a vida as inconsequências de seus pais.

      Não se preocupe com a mãe de seu namorado, isso é só agora, depois que o bebê nascer, ela vai amá-lo muito.

      Deus vai lhe ajudar e lhe dará meios de criar seu filho.
      Conte com minha ajuda e orações.
      Fabiana.

      Aguardo outros emails.

  41. Thamy disse:

    Fabiana, tenho 20 anos, descobri que estou grávida de quase 4 semanas. Minha mãe, está muito contraditória, pois ao mesmo tempo que ela fala em aborto, ela fala em eu ter o bebe. O que deixa ela mais nervosa, é o fato dela não conhecer direito meu namorado. Namoro com ele há quase 9 meses, e como ele só foi em casa umas, 2/3 vezes, ela fica me recriminando por isso, porque não conhece a familia dele essas coisas. Fala que não sabe de onde ele vem, o que ele faz, se ele é boa gente ou não. Já meu pai tem medo que eu faça um aborto, porque ele não acha justo tirar a vida de um e acabar prejudicando a vida de outro. Ele está nos apoiando muito. Me ajude, por que eu não sei o que fazer em relação a minha mãe.
    Muito obrigada.
    Beeeijos

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida irmã em Cristo Jesus, Paz e Bem!

      Realmente uma gravidez não planejada é complicada, surgem muitas dúvidas e indagações, também muitas “tentações” e conselhos que muitas vezes não são para nosso bem.

      Com relação a sua mãe, coloque-se no lugar dela é vc entenderá que ela também está mexida com sua gravidez, pois vc é muito jovem, ainda não é casada, mas como você mesma comentou, ela deseja que seu bebê nasça, então, ela quer sim que ele viva, apenas em alguns momentos ela se desespera diante da situação.

      Meu conselho é que você não aborte, é claro! Que você vá dando tempo ao tempo para que eles se acostumem com o fato de você estar grávida. não se preocupe, eles vão amar e cuidar de seu bebê e saiba toda criança é um presente, é um dom de Deus para nós!

      Então, esse filho(a) que você espera será uma BÊNÇÃO !!!!!!! em sua vida!

      Não ouça os conselhos de “pessoas” que querem que vc aborte, não mate o bebê que está dentro de vc, além de tirar uma vida, vc estará também levando para sempre a culpa e o peso na consciência pelo crime cometido.

      Conte com minha ajuda, orações e apoio. Pode escrever quando quiser, que responderei prontamente.

      Por favor, pense e tome a decisão, tenha o seu bebê, Deus te ajudará, saiba disso!

      Com carinho,
      Fabiana

  42. Sumaia Gomes disse:

    Quando a mãe corre sérios riscos, já teve pré eclampse na última gravides e perdeu a criança.

    • fabianapaulaodm disse:

      Cara Sumaia, o aborto em qualquer uma das situações é sempre um assassinato de um inocente.

      Nesses casos, deve haver um acompanhamento médico, mas a vida do inocente que não pediu para vir ao mundo deve sempre ser poupada.

      Leia e pesquisa sobre “Gianna Beretta”, veja o exemplo dela e entenda porque defendemos a vida e não o aborto em qualquer circunstância.

      Abraço fraterno e que Jesus a abençoe.
      Fabiana

  43. me ajudem disse:

    preciso de uma clinica em sp capital urgente

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha cara, quero muito lhe ajudar, mas não para abortar e sim para deixar sei bebê nascer, tenho certeza que se vc permitir que seu bebê possa nascer, não irá se arrepender!

      Pode escrever para mim e tentarei lhe ajudar no que puder, vou escrever mais para seu email.

      Que Deus a abençoe!
      Fabiana

  44. anônima disse:

    no google dizia q esse site me ensinaria como fazer um aborto e ñ qrer me convencer do contrario..!!!

  45. regina disse:

    agora estou com tres meses e 9 dias ,ja fazem 3 semanas que estou tomando chas abortivos nenhum fez efeito acho vque e porque no fundo nao quero matar meu filho,mas meu marido nao quer mais uma criança temos uma menina 4 anos e eu nao trabalho fora nao tenho renda propria ,estou doente,estou indo ao medico tenho leiomioma o medico me que eu corro risco de sofrer aborto espontaneo que o feto pode ja estar deformaçoes e com tudo que ja tomei nao tenho duvida do sofrimento do feto.nao sei mas o que fazer nem o que vai acontecer isso foi so um desabafo de uma mae desesperada nao posso contar com mais ninguem,eu so rezo para que meu filho e deus me perdoem….

  46. Fernanda disse:

    Eu não posso levar minha gravisez adiante……tenho duas filhas q crio sozinha, meu marido está preso pela segunda vez, estamos sem dinheiro e minha família nunca iria aceitar de novo uma gravidez, todas as vezes q estou grávida meu marido nunca está ao meu lado, sempre preso….Eu não posso ir em frente com isso….estou de 3 semanas….e não quero passar tudo de novo….

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida Fernanda, Paz ao teu coração!

      Sei que você está numa situação difícil, que se sento só e sem forças, mas pense, que abortar seu filho não vai mudar as coisas, você só ficará com o peso em sua consciência de ter matado seu filho que estava em seu ventre.

      Deixe seu bebê nascer, permite que ele viva, ele não tem culpa de ter um pai na prisão e de você não ter condições.

      Você pode dar continuidade a gravidez e quando o bebê nascer pode dar para adoção, existem muitas pessoas que querem adotar um bebê.

      Pense nisso e dê prosseguimento a sua gestação.

      Onde vc mora? Posso ver um grupo de apoio a mulheres gestantes, o que acha?

      Vou rezar por você.
      Conte com minhas orações e apoio.
      Fabiana Paula.

    • julia disse:

      Olá!

      Fernanda,

      Se realmente ficar complicado eu adoto seu bebê. Entre em contato: juliandrade04@hotmail.com

  47. poliana barcelos disse:

    ola querida..
    olha estou gravida de 2 meses,tenho duas filhas estou desesperada n sei mais o q faço,estou pedindo deus pra me dar forças pois n sei mais o q fazer,choro todas as noites..me ajude por favor..obrigado

  48. Lola disse:

    Eu estou muito confusa!!!

    Estou com medo.
    Depois de 11 anos outro filho de um homem que não é meu?
    Eu não planejei isso.
    E posso além de acabar com meus planos …. destruir uma familia ” quase perfeita ” que provelmente por minha causa. Não estou pronta para enferntar a discórdia…
    Eu juro que eu só o queria para o meu prazer, auto estima, diversão e fantasia.
    E agora? Eu não pretendo destruir nada!
    E muito menos decepcionar meu filho que está já um rapaz…
    Quero palavras sábias par tomar uma decisão…
    E que Deus me proteja, não quero perder o que resta de minha bondade.

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida irmã em Cristo, Paz e Bem ao teu coração!

      Li atentamente seu email e entendo toda a sua preocupação com relação a sua gravidez.

      Precisamos separar bem as coisas, pelo que li, vc entrou em um relacionamento com uma pessoa casada e engravidou.

      Agora, está preocupada com tudo isso relacionado a gravidez, mas é necessário dividir bem as coisas.

      O bebê que vai nascer não tem culpa da falta de planejamento e das irresponsabilidades de seus pais. Ele não pode pagar com a vida.

      Se o pai da criança não vai assumir, você pode como muitas mulheres fazem, assumir sozinha essa criança.

      Quanto ao seu filho, no início será difícil, mas depois ele vai amar o irmão, um FILHO(A), sempre é uma bênção na vida de uma mãe, um filho sempre traz consigo bênçãos divinas e saiba, esse filho(a) trará uma bênção que vc nem pode imaginar…

      Não tenha medo de enfrentar a realidade e dar prosseguimento a sua gravidez. Se não der mesmo, pode dar para adoção depois, há dezenas de casais dispostos a adotar uma bebê, caso não tenha condições depois do nascimento, pode colocá-lo para adoção.

      Onde você mora? Há alguns centros de apoio a mães em situações de risco, etc.

      O que acha?

      NÃO ABORTE SEU BEBÊ….
      DEIXE-O NASCER
      VC NÃO SE ARREPENDERÁ!

      Segue abaixo 2 links para vc o quanto um filho é precioso e que o aborto é a pior alternativa, é matar um inocente que não pediu para nascer.
      Abraço fraterno e aguardo seu retorno,para continuarmos mantendo contato.
      Fabiana

      POR FAVOR VEJA ESSES VÍDEOS…..

  49. Maristela disse:

    Ola, por favor me ajude… estou gravida de 1 meses e nao posso ter essa crianca.. sinto muita dor em dizer isso, mas quero abortar.. fui em uma festa e me deram uma droga e fui praticamente estrupada.. nao tive conciencia… me ajude… pelo amor de Deus.. estou ficando louca..

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida irmã em Cristo, Paz e Bem!

      Li atentamente seu comentário e vejo que você passa por um choque inicial, onde devido ao acontecido está desesperada, mas, pense bem, a pessoa que menos tem culpa nessa história é o seu bebê.

      Um filho sempre é uma bênção na vida de uma mãe, então você deve sim dar prosseguimento a sua gravidez, pois independente do que aconteceu com você a criança não pode pagar com a vida.

      Em último caso, você pode dar a criança para adoção, caso não queira realmente criá-la. Existem casais que sonham em ter filhos e não conseguem e com certeza seu filho(a), encontrará uma família maravilhosa para ser filho.

      Por isso, continue sua gravidez, reze, peça a Deus que lhe dê paz, conforto e ilumine seus passos.

      Conte com minhas orações e apoio.
      Onde você mora?
      Há grupos de assistência a grávidas em estado de risco.

      Possi ver algum grupo onde você possa ter atendimento psicológico e possa encontrar forças.

      Fraternalmente,
      Fabiana

  50. Luciana disse:

    Encontrei esse site tentando ajudar um amigo a não deixar que a parceira faça um aborto. Eu estou com 5 meses de gestação. Meu bebê também veio em condições adversas, mas NUNCA pensei em tirá-lo. Muito pelo contrário. O simples fato de saber do milagre divino de ter uma vidinha tão indefesa crescendo dentro de mim me faz a mais feliz das criaturas. É claro que eu tenho medo; medo do futuro, medo de não continuar com o pai do meu filho, vez que somos apenas namorados, medo de muitas coisas que não poderia listas, mas sei que eu vou fazer o melhor, o possível e o impossível para que o meu filho fique bem e tenha uma vida plena, porque eu o amo, mesmo sem nunca tê-lo visto.
    Sei que Deus tem um plano para cada um de nós, assim como acredito que essas almas escolhem os pais e a vida que terão. E se o meu filho escolheu a mim, eu só tenho que recebê-lo de braços abertos, com o maior amor da vida: o amor materno.

  51. Najara disse:

    nao sei nem como falar so sei que estou desesperada!mais sei que vo Deus vai me dar foças eu vou lutar e criar meu bb!!o pior é que o pai esta brigado comigo.e nem fala mais comigo eu nao o amo e por isso terminamos!nem ele sabe ainda!e acredito que nao vou falar pois tenho medo que ele me mate!ele foi meu primeiro e unico homem.minha familia nunca que iria aceitar sou a unica filha moça!sempre estudei trabalhei e agora me vejo no um beco sem saida meus sonhos forao ao chao!!mais mesmo que todos fiquem contra mim sei que estou errada por te me entregue ao pai do meu bb mais Deus vai me ajudar e Ele mais meu bb estara comigo enfrentando tudo!!!espero que venha uma criança forte !!ja ate estou imaginando os nomes!!!Deus esta me dando a oportunidade de recomesar!!!

  52. lilyan disse:

    oi,
    entrei nesse site procurando por aborto, li um pedaço mas nao mudei minha posição. sei que posso me arrepender das consequencias do aborto, mas se ele fosse regulamentado eu teria mais segurança para colocar minha decisao (que é individual) em pratica.
    estou com medo, mas tenho mais medo ainda de ter um filho que sei que nao posso criar, nao importa de onde venha essa ajuda. tenho planos, preciso coloca-los em pratica. acreditos que TODOS voces que sao contra o aborto nao sofrerão com o meu. mas que realmente prezam pela vida, deveriam prezar tbm pela minha e esta em risco por conta dessa hipocresia e falsa moral.

    • Fabiana Paula disse:

      Olá Lilyan, Paz e Bem!

      Fico feliz que tenha escrito em meu blog, isso reflete que de alguma forma isso mexeu com você, senão não perderia seu tempo escrevendo…

      Realmente a decisão de abortar é individual, mas ao mesmo tempo fere um princípio não só religioso mas humano também que é tirar uma vida inocente, pois a vida é e sempre será vida mesmo estando em seu estágio inicial. Essa semana vimos na TV o caso do bebê abandonado pela mãe em uma casa. Todos se compadeceram do caso, muitas famílias dispostas a adotar a criança, daí eu me pergunto e lhe pergunto, vc não se compadeceu da história? que sentimento vc teve ao ver esse caso? muitas pessoas se emocionaram, mas porque não sofrem e não choram quando um bebê é assassinado e pela pessoa que teria amá-lo e protegê-lo?
      Pelo menos nesse caso, a mãe permitiu que a criança nascesse, pense nisso, deixe seu filho(a) nascer e depois pode dá-lo para adoção, há centenas de casais dispostos a dar o amor e a proteção que um filho(a) merece.

      E não é falsa moral não! É a consciência que toda forma de vida é importante e deve ser respeitada e protegida!

      Vou rezar sim por você, para que faça a melhor e a mais sensata decisão: Ter o seu bebê. Um dia com seu filho(a) ao seu lado, você não vai arrepender-se dessa decisão.

      Conte com minhas orações!
      Fabiana Paula

  53. Marcos disse:

    Ola, estou desesperado e decidido! Preciso fazer um aborto. Me ajudem se voces puderem!
    Obrigado e aguardo resposta

    • fabianapaulaodm disse:

      Olá meu irmão, Paz! Já respondi para seu email pessoal, de qualquer forma, quero lhe dizer que não faça nada no desespero, pois sempre nos arrependemos quando fazemos dessa forma. Tente “esfriar” a cabeça e pensar de forma racional. Lembre-se que toda a vida é um dom de Deus. Você está vivo e gosta de viver, não é mesmo? Já imaginou que vc pode impedir que outra vida tenha essa mesma chance?
      Não faça isso meu irmão, deixe que essa criança nasça e vc depois verá que valeu a pena.

      Passei um email para vc e aguardo sua resposta. Quero ajudá-lo!
      Deus o abençoe.
      Fabiana

  54. diana disse:

    tenho 22 naos e tenho uma filha de 5 anos e estou gravida novamente mas ñ quero essa criança ñ tenho condições de sustentar ele.meu marido diz q ñ gosta mais de mim so esta comigo pq eu estou gravida.me ajudem

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Diana, Paz!

      Sei que você é jovem e que tem muitos planos e sonhos para sua vida, mas toda vida é um dom de Deus e você sabe bem disso, pois já é mãe.
      Mesmo que tudo caminhe para você ter mil motivos para abortar, lembre-se que você tem mil e um motivos para NÃO ABORTAR. Olhe para seu filho de 5 anos e agradeça a Deus pela vida dele. Agora imagine daqui a 5 anos você fazendo a mesma coisa pelo seu segundo filho(a). Pense nisso!!!
      Mesmo se o pai da criança não quer mais nada, isso não é motivo para vc abortar, tirar a vida de seu filho(a). Pense nisso!
      Também se realmente depois do criança nascer você não tiver como criá-lo, há muitos casais que sonham em adotar uma criança, você poderá dar para adoção. É uma atitude muito mais justa e humana.
      Se quiser partilhar mais, estarei escrevendo para seu email pessoal também.
      Conte com minha ajuda e orações.
      Deus te abençoe e ilumine!
      Fabiana

  55. jenniffer disse:

    eu fiquei grávida e to com muito medo, ninguem tá me dando apoio meu namorado eu descobri que ele é um monstro! quando eu mais preciso dele ele me vira as costas não que nem saber de mim e da criança. As vezes eu penso na alegria que essa criança vai me trazer, mas tem hs que eu pesno que eu não vou consegui passa por essa bara sozinha minha cabeça tá a mil não sei o que fazer to pensando em abortar mas quando penso que vo tira a vida de uma criaturinha que a cada dia cresce dentro de mim meu coração se despedaça. Eu to sofrendo muito me decepcionei demais descobrir que meu namorado me trai que ele não me ama mais e que se acontecer alguma coisa cmg e com meu filho ele vai ficar feliz eu tenho só 188 anos uma vida inteira pela frente não sei se um filho agora seria bom pra mim, ainda mais sem o apoio dele que pra mim ere essencial. As vezes eu penso que se eu tirar essa criança eu vo tá me tornando um monstro sem sentimentos igualzinho a ele. Alguém me ajuda por favor não tenho ninguém pra desabafar nem pra me da conselhos, já pensei até em me matar pq assim acabaria meu sofrimento eu ia descansa em paz não sei o que fazer.

  56. fabianapaulaodm disse:

    Olá minha querida, Paz ao teu coração!

    Sei que seu momento é de desespero, mas você precisa nesse momento agir com calma e prudência. Você está grávida e por mais que isso seja desesperador em sua idade é uma grande alegria, um presente de Deus para você. Abortar não vai resolver o problema, pois você ficará para sempre com o peso de ter matado seu filho(a), inocente. Minha sugestão é que procure alguém que você confia, seus pais ou um parente que você consie. Se você diz que seu namorado não lhe entende, então ele não está apto para lhe dar conselhos, é melhor procurar alguém de confiança de mais idade que tenha maturidade e condições de lhe ajudar.
    Você é católica? Procure uma Igreja e um sacerdote que possa também lhe orientar e saiba que nos momentos de solidão e fraqueza, Jesus está do seu lado e tire da sua cabeça a idéia de se matar, essa é a pior saída para resolver seu problema, o que você tem a fazer é assumir sua gravidez e assumindo seu filho deixá-lo viver, saiba minha querida, você não se arrependerá!!! Conte comigo para lhe aconselhar, reza por você e ser sua amiga mesmo que de longe.
    Mas, não aborte seu bêbe, a mãe é aquela que gera vida, nunca a morte de seus filhos!
    Conte comigo!

  57. jenniffer disse:

    Obrigada. Eu vo reza muito e pedi pra que ele me de forças e ilumine minha mente pra eu não fazer enhuma besteira. A crueldade do meu namorado tá me fazendo desisti de uma coisa que eu sempre sonhei ser mãe, ele joga na minha cara uqe eu quero da golpe da barriga que ele não que sabe não vai no médico comigo acompanha a gravidez, que ele vai fica cmg obrigado por isso ele tem direito de humilha e me dexa pra baixo. Não tenho mais vontade de fazer nada nem cv com as pessoas sabe eu não queria tá depressiva pq eu sei que a criança que tá dentro de mim tá sentindo td que eu sinto e que td isso vai fazer mal pra ela tb. a unica coisa que eu queria era pode criar o anjinho que ta dentro de mim em paz pode da muito amor e carinho. Smp quando eu penso em abortar eu peço a deus pra fica do meu lado e não me dexar fazer nada que eu va me arrepender a vida inteira eu vou tenta usa todas as minhas forças pra não faze nenhum mal a essa criança. A decepção que eu sinto dentro de mim é imensa, mas obrigada pelas palavras smp quando eu pensa em desisti eu venho aqui pra desabafa vc me ajudou muito. Obrigada de coração.

  58. fabianapaulaodm disse:

    Olá minha querida!

    Que bom que respondeu minha mensagem. Sei que seu coração está triste com a ingratidão do pai de seu filho(a), mas saiba que a vida continua e que muitas vezes passamos por dificuldades e angústias que parecem não ter fim, mas depois que o tempo passa, percebemos que aquele momento de infelicidade, decepção e desespero passou e que um novo tempo inicia. Será assim com vc também, creia nisso! Que bom que gosta de rezar, saiba que o amor de Deus lhe abraça e lhe fortalece e que vc encontrará forças e meios de ser feliz com seu filho(a), nada é mais precioso que a vida, que só Deus tem o poder e dar e tirar, só Ele, então continue sua caminhada enfrentando sua gravidez e assumindo as consequencias que virão, mas saiba que quando vc for dormir, poderá dormir sem peso na consciência, pois foi honesta, ética e escolheu a melhor parte, dar a luz um bêbe que trará muitas alegrias a você.
    Continuo rezando por vc.
    Conte comigo e escreva quando quiser!
    Em Cristo,
    Fabiana

  59. Jenniffer disse:

    Vim aqui desabafa mais uma vez com voçe as coisas não estão faceis pra mim, to sofrendo muito hje meu namorado teve uma crise de ciumes e me bateu sem nem se preocupar com a criança que tá dentro de mim que tb é um pedaçinho dele, me disse coisas horriveis que me doi tanto soo de pensar disse que não vai mais fka do meu lado se eu precisar de dinheiro ele vai mandar quando meu filho nascer ou eu fico com ele ou entrego pra ele cuidar, disse tb que se eu tirasse ia ser ate melhor que não que mais saber de nada se o filho for dele. Eu tenho medo de que durante essas brigas ele machuque meu filho e que eu perca ele eu não importo cmg me preocupo so com meu bebe ta bem no começinho tem mas perigo de perder.Mas eu to sendo forte e cada vez que eu penso em tirar ou faze algo eu imagindo como vai ser o rostinho dele e quanta alegria ele vai me dar. Obrigada de novo por te feito esse site que agnt possa desabafa e escuta conselhos pra que agnt não faça besteira.

    • fabianapaulaodm disse:

      Olá minha querida, Paz ao teu coração!

      Esse espaço aqui no meu blog é seu, pode usar como quiser! Li o que vc escreveu e é muito triste mesmo ter que encarar essa dura realidade de conviver com seu namorado. Vc mora com seus pais? Vc não deve nem pode aceitar nenhum tipo de violência. Nenhuma mulher pode se submeter a isso, podemos aceitar muitas coisa, mas violência jamais!!!!

      Cuide-se e cuide de seu bêbe, tudo o que vc sente vai pra ele também, então converse com seu namorado de forma séria sobre a violência cometida por ele e lembre-se a coisa mais importante na vida é a paz de espírito, nada compra a paz e com relação a sua gravidez o caminho é esse mesmo, quando pensar bobagem, lembre-se que em breve vc estará com seu filho nos braços e encontrará uma razão a mais para continuar a viver!
      Me escreva sempre que quiser e precisar!
      Abraço fraterno,
      Fabiana

  60. viviam disse:

    posso ajudar tds vcs q nessessitam de ajuda para clinicas seguras( praquemprecisadeajuda@hotmail.com )

  61. loresto disse:

    oi fabiana preciso de uma ajuda minha namorada descobrio que esta gravida ela ficou desperanda ela trabalha mas faz de conta que ta tudo bem eu desperado nao o que fazer entao entramos na intenet e virmos um site que vendem remedio pra aborto entao ela jja desperada falou pra min ,e eu muito com pena dela comprei o remedio na hora que ela foi tomar setiu medo mas nao tomou mas no outro dia por volta das 9 horas ela tomou o medicamento desperada com o que seus pais seria capaze de dizem ou fazer , eu moro na casa dela o pai dela e muito legal a mae .eu sou pessoa desde quando comersei namorar com ela falei que eu queria muito um filho e ja estava feliz e pricava com essa situacao entao echo que o presente de deus mas na hora errada eu fui a primeira pessoa tirei a virgidade dela mas eu vou casa com ela porquer eu amor muito essa garota por isso eu fiz isso mas eu nao sei o que fazer ela nao abotou econtinua gravida eu cho ro todos os dias mesmo sabendo que eu nao seria feliz o fazer nessa situaçao ela que ainda abortar mesmo sabendo que a gente nao ser feliz mas so ver a pessoa que eu tanto amo feliz por que eu nao tou nada nem o puquinho feliz .e outra passa por minha caberça todas as noites pesadelos terrivel mas me ajuda por favor nao quero comprar e fazer isso tudo novamente

  62. loresto disse:

    oi fabiana explicando menhor ,ela estar de 5 semanas semana passada ela tomou o remedio deu todos os efeito do remedio sentio dores e chegou ate sair uma risca no abesolvente mas nao deu certo o remedio sera que e um sinal de deus o quer sera etou escrevendo mais nao paro de chorar na hora quer eu vejo ela chegar do serviço triste porque se ela me ver chorando começa a chorar tambem ela muito apavoranda querendo tomar de novo o mesmo medicamento.A familia dela sao todos gente , eu etava de calculos falar tudo para seus pais mais comedo de que ela faça alguma coisa e nao falei ,A MAE DELA DIZ QUE E ENVAGELICA MAS E DASQULAS PESSOA QUE DIZ QUE A FILHA TEM QUE CASAR VIRGEM E POR ISSO O MENDO MAIS DELA EU RESPEITO MUITO A VONTANDE DELA E AGORA O QUE FAZER COMPRAR EU NAO VOU MAS FAZER ISSO MAS E ELA O FAZER MEMEMEMEME AAAAAJUUDAAAAAA FABIANA !

    • fabianapaulaodm disse:

      Meu irmão, Paz!

      Li em seu email que vc quer muito esse filho, mesmo chegando num momento imprópio, mas você quer, então NÃO COMPRE O REMÉDIO, converse com sua namorada e não se importe se no início for difícil para os familiares dela ficarem tristes ou com raiva. Tudo isso passará quando o bebê nascer.

      Não compre mais remédio, faça o seguinte: Marque um ginecologista para os exames e comece o pré-natal dela. Peça para fazer um ultrasom, para ouvir os batimentos cardíacos do bebê, nossa vcs ficarão amando-o muito quando escutarem o coração dele bater.

      Saiba que esse remédio que não fez efeito pode não só levar a morte o bebê, mas também a mãe do bebê.

      Saiba que esse filho é um presente de Deus na vida de vocês e trará a todos vocês muitas alegrias.

      A melhor coisa é contar toda a verdade e assumir as consequências dos atos, um inocente não pode pagar com a própria vida e você não vê em tudo isso, em o bebê estar vivo a mão de Deus sobre vocês?

      Leia tudo isso meu irmão e faça a melhor escolha, de deixar seu filho nascer. LUTE PELA VIDA DE SEU FILHO, VC NÃO SE ARREPENDERÁ!
      Conte comigo para lhe aconselhar e vou rezar muito para que tudo aconteça bem e que a VIDA VENÇA!!!!!!!!!!!!!!
      Deus te abençoe,
      Fabiana

      Tenho uma história pra te contar:

      TESTEMUNHO:

      VIDAS TRANSFORMADAS E RESTAURADAS NA MISERICÓRDIA DO SENHOR

      Sempre vivi minha vida com muita liberdade, principalmente com relação ao namoro. Aprendi muito cedo que a conseqüência de uma vida vivida na irresponsabilidade e imaturidade tem um preço muito alto.
      Comecei a namorar muito nova aos quinze anos e com um ano de namoro já estava tendo uma vida sexual sem responsabilidade e consciência deste ato. Acreditava como toda jovem que ele seria meu único e verdadeiro amor e com ele me casaria.
      E, graças a Deus se tornou verdadeiro este sonho, e hoje ele é o meu esposo.
      Com o passar do tempo aconteceu a gravidez, e nenhum dos dois estava preparado, não poderia ser diferente, dois jovens imaturos e irresponsáveis desde o primeiro dia que tomaram a decisão de iniciar uma vida sexual sem um preparo antes. E não ficou por aí, decidimos fazer o aborto porque não estávamos preparados para ser pais tão jovens, mas estávamos para fazer sexo. Que absurdo! Hoje, quando lembro, que horror meu Deus, quanta tristeza. Como foi difícil para eu mesma aceitar aquela decisão.
      Fomos a uma Farmácia e pedimos uma injeção abortiva e o atendente foi logo aplicando, voltei para casa, eu para a minha e ele para dele, porque as nossas famílias ainda não estavam sabendo, aquele assunto era só nosso.
      Ao chegar em casa fui direto para o quarto para esperar a realização do ato abortivo. No segundo dia a mesma coisa, outra injeção e nada. No terceiro dia foi mais terrível, pois não conseguia dormir os pensamentos de revolta, de desespero e de angustia por esta fazendo tudo aquilo com meu bebe que não podia se defender e em soluços recorrir a Deus a sua misericórdia que não permitisse que nada de mal acontecesse com o meu bebe. Pedi que me perdoasse. Chorei bastante que acabei dormindo.
      No dia seguinte telefonei para o meu namorado para comunica-lo que não tinha acontecido e que iria assumir a gravidez e conversar com minha família e que ele estaria livre de qualquer responsabilidade diante daquela gravidez, pois não poderia prendê-lo diante de uma situação que era de minha total responsabilidade. As lágrimas caiam sem compreender muito o que estava acontecendo, quando o meu namorado disse que ficaria comigo não pelo fato de estar grávida, mas porque me amava e que sempre desejou casar comigo. Assumimos a ”nossa” gravidez e fomos a Igreja procurar um sacerdote para confissão e preparação para o casamento.
      O mais lindo dessa história é que Deus é sempre fiel, e o seu amor por todos os filhos é de uma infinita misericórdia, mesmo quando estamos distante d’Ele. Antes do casamento decidimos procurar o farmacêutico que aplicou as injeções e comentar com ele que não tinha acontecido, e a surpresa foi tamanha quando ele nos revelou que não tinha aplicado injeções abortivas em mim, o que ele tinha aplicado mesmo eram injeções de vitaminas. Meu Deus como o Senhor é bom. Nunca desampara os seus filhos! E continuou dizendo que tinha visto nos nossos olhares o medo, a dúvida diante daquela decisão e ele como pessoa cristão católico, jamais permitiria que uma vida fosse assassinada, principalmente diante de dois jovens que estavam apaixonados e agradeceu por termos voltados para confirmar que ele estava fazendo a vontade de Deus, pois muitos outros jovens que ele tinha feito o mesmo, nunca voltaram para comentar o fato. Isto foi para ele uma grande benção da parte de Deus, pois agora ele tinha certeza que agradava a Deus nesse pequeno gesto de não permitir que pessoas se tornassem assassinas. onde ele mesmo seria o primeiro dentro de sua própria farmácia. Então o abracei e o beijei, agradecendo por tudo e fomos embora. Hoje somos felizes com a benção de Deus sobre nós.
      Agradecemos ao Senhor nosso Deus por tanta paz, alegria e felicidade e perdão, permitidos por sua infinita misericórdia.

      “Sede misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso. Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; perdoai, e sereis perdoados; daí, e dar-se-vos-á. Colocar-vos-ão no regaço medida boa, cheia, recalcada e transbordante, porque, com a mesma medida com que medieis, sereis medidos vóc também.”(Lucas 6, 36-38).
      “A palavra de Cristo permaneça entre vós em toda a sua riqueza, de sorte que com toda a sabedoria vos possais instruir e exortar mutuamente. Sob a inspiração da graça cantai a Deus de todo o coração salmos, hinos e cânticos espirituais. Tudo quando fizerdes, por palavra ou por obra, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por Ele graças a Deus Pai”. (Colossenses 3, 16-17).

  63. ytaiala disse:

    Ola, por favor me ajude… estou gravida de 2 meses e nao posso ter essa crianca.. sinto muita dor em dizer isso, mas quero abortar.. ajude… estou ficando louca..

    • fabianapaulaodm disse:

      Olá minha querida, Paz e Bem!

      Eu posso sim lhe ajudar, mas não a abortar seu bebê e sim a continuar sua gravidez, pois entenda que você leva dentro de si uma vida e que ela deve ser preservada. Entendo pelo seu relato que as circunstâncias dessa gravidez não são as melhores, mas quero muito que você entenda que toda vida humana, não importa em qual estágio esteja é um dom, um presente de Deus. Converse com pessoas que podem lhe ajudar, parentes, amigos, pessoas de bom coração e saiba que você não se arrependerá de ter seu filho(a). todo filho(a) é uma dádiva de Deus e o seu(sua), não será diferente. Claro, que você é muito jovem, não será fácil, haverão renúncias a serem feitas, mas creia, vai valer a pena. Abortar não é e nunca será a solução. Se precisar me escreva novamente, às vezes num momento de desespero, pensamos em fazer bobagens, mas depois que passa o momento de tensão, pensamos com mais tranquilidade e achamos a melhor opção, que no seu caso e deixar que seu bebê nasça, deixá-lo viver a grande aventura da vida. Em última instância, se você não tiver condições e/ou meios para criá-lo(a), você poderá dá-lo(a), para adoção, centenas de casais que não podem gerar filhos esperam uma criança para adoção, você poderá assim fazê-lo. Fico no aguardo de outras mensagens e vamos nos comunicar por email também.
      Deus te abençoe e conte com minhas orações.
      Fabiana

  64. jhenysy disse:

    Olá!
    Boa tarde. Estava vendo um video mostrando um aborto e fiquei chocada, como alguem tem coragem de fazer tamanha crueldade! Chorei ao ver aquele video. Tenho 21 anos, namoro com rapaz a 2 anos, somos muito felizes, tomamos todos os cuidados nacessarios, pois não queremos ter um filho agora. Mas fico muito feliz por conhecer alguem como você. Parabens pelo seu lindo trabalho, que Deus continue te dando força pra continuar. Quero dizer a todas essas mulheres que ter um filho deve ser a coisa mais maravilhosa do mundo, NÃO ABORTEM, por mais dificil que seja a situação, procurem ajuda. Abraços

    • fabianapaulaodm disse:

      Isso mesmo!!!!

      Que bom ler comentários assim como o seu, que nos ajudam nessa missão de defender a vida humana em qual um de seus estágios!

      Volte sempre ao blog!
      Deus te abençoe!
      Fabiana Paula

  65. flor disse:

    QUERO SABER QUAL O VALOR DE UM ABORTO?

    • fabianapaulaodm disse:

      Olá Flor, Paz e Bem!

      Um aborto minha cara não tem preço, pois quanto vale uma vida humana? Não há preço ou melhor, vale sim, o amor de Deus que é infinito, imensurável e incomensurável!

      O filho(a) que você leva é um lindo presente de Deus, receba-o em seu coração e deixe-o viver. Estou à sua disposição para lhe ouvir e rezar por você.

      Fica com Deus!
      Fabiana

  66. Suzanne disse:

    Oi meu nome é suzane, eu tenho apenas 17 anos, namoro a 1 ano e 9 meses.
    meu sonho sempre foi ter um filho, eu amo criança, inda mais ter com a pessoa que eu amo !
    e minha menstruação estava atrasa a 12 dias, eu peguei e fui fazer o exame, acabei sabendo que to gravida.
    eu conversei muito com meu namorado, a gente nao podi casar já, porque a gente nao tem casa ainda,ele me deu no maximo 3 meses pra dai a gente casar, e eu sei que minha mae nao vai me entender, eu tenho medo que ela nao aceite, nao deixe eu ficar em casa até meu namorado arrumar outra casa pra gente casar, ela nao vai muito com a cara do meu namorado e isso faz meu medo aumenta !
    definitivamente eu nao sei o que eu faço, eu falei que ia abortar ele nao quer, mais falo que se eu acho melhor pra nois dois é pra mim fazer isso.
    ele tambem falou que a gente ta muito novos pra ter filho, ele falou que quer se diverti mais comigo, aproveita a vida de casado. porque o nosso combinado ja era da gente casar em junho no dia do meu aniversário, intao realmenti eu to sem saida, nao sei se voce me entende !
    minhas irmas são todas mais velhas eu sou a mais nova da casa, todas ja casaram , mais todas se intrometem na minha vida, minha mae é ruim sempre, e agora que eu to grávida eu to sentindo muita dor na minha barriga, minha mae faz eu trabalha e eu com dor tenho que fazer tudo, porque ela nao sabi nada, e nem imagina isso..
    Me ajuda Por Favor !

    Agradeço dez de já..

  67. Alyne disse:

    Oii , estou com duvida de está gravida tbm , tenho apenas 15 anos e o meu namorado 14 , a gente ainda faz o primeiro ano , nem terminamos … E eu já sei como a familia dele vai agir … Então vai ser orrivél . O que eu faço ?

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida, Paz ao teu coração!

      Sei que você é muito jovem e seu namorado também. imagino a angústia que deve passar pela sua cabeça e as dúvidas e revoltas.

      Mas, se você está grávida mesmo, a melhor saída é ter uma conversa com seus pais e com os pais de seu namorado, contando toda a verdade e pedindo ajuda. Talvez no início eles fiquem tristes, talvez bravos ou decepcinados, mas saiba que isso passa, será só no início, depois eles irão acolher vocês e o bebê também. O mais importante é pedir ajuda a quem vai de verdade poder ajudar.

      Não aceite a proposta do aborto, esse é pior saída e vai tirar a vida de um bebê inocente, saiba que você não é a primeira adolescente a engravidar. Não vou dizer que é fácil, mas a vida continua e saiba que uma criança sempre é um presente, um dom de Deus.

      Fale com seus e estarei rezando por você.
      Dê notícias depois.
      Conte com minhas orações e apoio.
      Um abraço grande e muitas bênçãos para você e seu bebê.

      Fabiana Paula

  68. mila disse:

    oi, eu estou grávida e acho que ninguém irá aceitar isso, mas só de pensar em aborto, o meu coração, todo o meu ser fica em prantos, eu procurei instituiçôes de adoção, mas nao achei nenhuma, você conhece alguma?

    • julia disse:

      Olá Mila,

      Eu sou casada e tenho 35 anos, perdi meu bebê (aborto espontâneo). Quero muito ser mãe,entre em contato para conversarmos… Posso adotar seu bebê legalmente. (juliandrade04@hotmail.com)

      Um abraço

  69. Carolina disse:

    Nossa ,eu estava com esse pensamento de abortar pois sou muito nova tenho apenas 16 anos …namoro com homem de 22 ele disse ke assumiria mais nao quer ..já tomeii remedios até penseii em me matar ..mais deppois desse blog …jamais fareiii outra coisa ao não ser cuidar do meu bebe …de uma vidinha que está pra vim ao mundo …mesmo com bastante dificuldade que eu irei de passar ! estou confiante no meu Deus !

  70. Fabíola disse:

    Olá!
    Tenho uma filha de 1 ano e dez meses (completou ontem e por pura coincidência fiz dois meses de gestação. Acontece que meu marido falou q não tem condições financeiras de ter essa criança e moro com ele na casa do meu sogro, minha família não está aqui, está em outro estado e como passei por um processo muito grande de stress e perdas, adquiri uma Síndrome do Pânico, como seria essa gestação? Não teria condições psicológicas de ter esse bebê. Por favor, mande-me um e-mail, pq eu não sei se terei coragem de fazer esse aborto, mas sei q se optar em ter, perco meu casamento, pois meu marido quem me sustenta…não quero ter uma criança pra passar necessidade e tb não acho justo tirar o conforto da minha filha, já que uma outra criança agora nessas circunstâncias faria com que eu tirasse algumas coisas da minha filha pra suprir ao menos as necessidades básicas dessa nova criança. Me ajude…

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha cara, Boa Noite!

      Primeiro quero lhe dar os parabéns pela sua gravidez, pois um filho é sempre uma dádiva, um presente de Deus!

      Você diz que seu marido não quer a criança, mas agora não é hora de pensar nisso, isso deveria ter sido visto antes, se tinham condições de ter outro filho,ou não. Agora você já tem, está com ele na forma mais frágil que um ser humano pode estar e você foi escolhida por Deus para cuidar e proteger essa vida.

      Sei que está confusa, pertubada, passam muitos pensamentos por sua cabeça, mas acalme seu coração e reze… Converse com seu esposo, diga a ele que não pode tirar uma vida, matar alguém que está dentro de você e é um ser humano, um filho de Deus!

      Você diz que vai perder seu marido, mas eu lhe pergunto: Quanto custa um casamento, eu lhe pergunto, custa a vida de um inocente? tem preço? claro que não, não é mesmo… Uma vida, minha cara, não tem preço… nada pode pagar uma vida, se o seu marido a ama e a respeita, com certeza irá aceitar esse filho(a) que é dele também e responsabilidade dele também. Você também fala das privações que sua filha pode ter, desculpe mas não podemos pensar assim, um filho não é um “peso”, não é um “prejuízo”, um filho sempre vem para trazer alegrias, felicidades e muita luz para toda família. Onde comem 1 comem 2, já ouviu esse ditado popular?, saiba, é a mais pura verdade!

      Saiba que com você não será diferente, creia nisso, esse filho(a), será um grande presente em sua vida e trará muitas alegrias a você e a todos os seus.

      Esse pensamento do seu marido vai passar, acredite, vamos rezar, vamos confiar e colocar tudo nas mãos de Deus.

      Mas, não aborte seu bebÊ, não mate seu filhinho, deixe-o nascer, em último caso, você pode dá-lo em adoção, tenho certeza que se você não puder criá-lo, ele encontrará uma família que o amo e o acolha.

      Estarei rezando por ti e me dê notícias1
      Fique com Deus!
      Fabiana

  71. Diana disse:

    Boa Noite . Tenho 15 Anos , & ja me falaram em alguns medicamentos que causam o aborto . como os meus páis nao podem ter conhecimento , queria saber co nome dos t+ais medicamentos . se me podér indicar agradeço.

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida, Paz e Bem ao teu coração!

      O meu blog é justamente para ajudá-la a não abortar, para encontrar valores verdadeiros e acreditar que a vida sempre será importante, não importa em qual estágio esteja, se os seus pais são contra, então é realmente uma bênção, tenha seu bebê e saiba que será a melhor escolha, a melhor opção que você fará,esse filho(a) será uma bênção em sua vida e lhe trará muitas alegrias.

      Estou à sua disposição se quiser escrever para mim e partilhar mais.
      Fica com Deus!
      Fabiana

  72. Anonnima disse:

    ola, eu não sou católica.
    eu não quero abortar mas não consigo ver outra saída.
    tenho uma filha de 3 anos vivo com meus pais, a tempos voltei com o pai da minha filha e estou gravida de quase 2 meses. eu criei ela sozinha e não foi fácil em todos os sentidos (emocional espiritual físico…) o que tenho visto ultimamente é que vou criar mais um filho sozinha. eu não sei se vou suportar. o que é que será da minha vida? quando a minha família e amigos souberem? sinto um peso que não sei se consigo suportar…

    • fabianapaulaodm disse:

      Boa Tarde, Paz e Bem!

      Não importa se é Católica ou não, não sei qual é a sua opção religiosa, ou se até mesmo tem alguma, mas preciso lhe dizer que viver é um direito que todos temos, você diz que não quer abortar e isso é muito importante, diz que voltou a morar com o pai de sua filha e que agora está grávida. Diante de todo esse questionamento, de todo esse conflito, ou fico a pensar se a pessoa que vai pagar com a vida é aquela mais frágil, mais inocente, que não tem culpa e não pediu para nascer… Você ama sua filha de 3 anos? Ela lhe traz alegrias? então, saiba que esse novo filho(a) também lhe trará. Todo filho é uma dádiva na vida de seus pais. Você fala dos seus amigos e família quando souberem… Quem verdadeiramente te ama vai te entender, te acolher, te ajudar. Agora você descobrirá quem são seus verdadeiros amigos, aqueles que vão ficar do teu lado e te apoiar nesse momento que você mais precisa.

      Pensei nisso e se quiser escrever mais, terei muita alegria em lhe responder!
      Fica com Deus!
      Fabiana

  73. Cristine disse:

    Olá!

    Estou gravida de 13 semanas, já tomei 18 comprimidos de citotec e não resolveu!
    O que posso fazer? Não quero ter um filho.

    Por favor, me ajude!

    Obrigada!

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha cara, Paz e Bem!

      Não faça isso com você e com seu bebê!

      Você diz que já tomou 18 comprimidos… Sabia que pode morrer? Sabia que pode deixar o bebê com sequelas para sempre se ele não morrer?

      Meu conselho é que você vá a uma boa ginecologista o mais rápido possível e dê continuidade a sua gravidez. Depois que o bebê nascer, você pode dá-lo em adoção. Centenas de casais que não podem gerar filhos, esperam um bebê para doação, por isso, continue sua gravidez e acredite, esse bebê vai fazer a diferença para melhor na sua vida, você é uma agraciada por Deus com esse bebê. Não aborte seu bebê,
      deixe-o nascer!

      Fico no aguardo de boas notícias!

      Fabiana

  74. karina disse:

    Boaa noite, estou grávida e gostaria de saber o que posso fazer, para poder abortar. karina

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Karina, Paz e Bem ao teu coração!

      Quero lhe dizer que a melhor maneira de sair dessa situação é você ter o seu bebê. Abortar não resolve a situação, lembre-se que é uma vida que está sendo gerada dentro de você e esta vida deve ser respeitada e levada adiante. Procure uma boa médica que possa lhe ajudar nos exames pré-natais, procure ajuda de pessoas que lhe amam e querem seu bem.

      Abortar não vai resolver nada, só trazer sequelas psicológicas a você tirar a vida de um inocente.

      Conte com minhas orações e quando quiser pode escrever, que lhe responderei.

      Fica com Deus!
      Fabiana

  75. agatha oliveira disse:

    Boa noite Fabiana, quero compartilhar minha história e mostrar que há saída sim.
    Eu me envolvi com um homem que estava se separando e acabei engravidando, mas conheço a esposa dele e seus filhos pois trabalhamos no mesmo lugar, todos nós.
    Quando descobri minha gravidez estava com apenas duas semanas e me desesperei….. A única solução que encontrei fi matar o meu bebê (desculpe o termo tão forte, mas abortar é matar). Mesmo querendo fazer algo tão terrível, não me imaginava poder fazer isso, graças a Deus me faltava coragem. Quando contei para o pai do bebê ele falou que apoiaria minha decisão, mas que queria o aborto, que se eu não fizesse, que ele me ajudaria financeiramente, mas não poderia assumir o bebê para não envolver seus outros filhos. Mostrei a ele a carta do médico que pede que a mãe mate o filho vivo….Ele chorou muito.
    Eu continuava sem achar saída e o tempo passava, os diretores da empresa já desconfiavam que estava ocorrendo alguma coisa e se eles descobrissem mandariam eu, o pai do bebê e sua ex mulher embora.
    PEdi muito a Deus que me iluminasse e num ato de coragem, desespero e muita consciência conversei com o meu diretor e expliquei o que estava acontecendo, que eu epdiria demissão, mas que não dispensasse o pai do bebê e sua ex,, pois eles tinham filhos para sustentar.
    O diretor me olhou muito sério e disse: Você também tem um filho para sustentar e não dispensarei ninguém, apenas não quero este assunto sendo tratado aqui dentro. O diretor chamou o pai do meu bebê e conversou com ele aconselhando a contar para sua ex.
    Ele acabou contando para sua ex. Ela apenas quis saber se nosso relacionamento foi antes ou depois da separação e hoje conversa comigo com muita gentileza e educação.
    Minha família não aceitou e me mudei para um quarto, cozinha e banheiro.
    Minhas condições financeiras não são das melhores, mas não me falta nada. Estou com 24 semanas de gestação. O pai do bebê só me ajuda financeiramente, mas ESTOU FELIZ. AMO minha bebê. Ela chamará Júlia Vitória e me trará muita felicidade.
    Não foi, não está sendo e não será fácil cuidar da minha bebê, mas sei que terei forças. Hoje minha família já está aceitando a ideia, e começando a me visitar, trazendo alguns presentes para a bebê…… O pai? Ele está muito confuso, fala que ama o bêbe, mas vê nele ainda um problema. Sei que quando ela nascer, ele vai se apaixonar por ela.
    Só eu sei o quanto é difícil você ter uma gestação sem o apoio de ninguém, mas também sei que Deus nos dá força e condições para termos nossos bebês. Não é fácil, mas quando se escuta o coração bater e sente o primeiro chute, você respira aliviada por não ter matado seu filho.
    QUALQUER QUE SEJA A SUA SITUAÇÃO, NÃO ABORTE.
    SE REALMENTE NÃO QUISER O SEU BEBÊ, TENHA ELE E ENTREGUE PARA DOAÇÃO.
    Fiquem em paz….

  76. Mariane disse:

    É impressionante como tem mulheres que acham que matando o próprio filho no ventre vai resolver algo. Nunca conheci nenhuma mulher que tenha abortado e se sentido bem com isso. Por favor, em pleno século 21 em que “nada mais é vergonhoso”, não se pode pelo menos levar a gravidez até o final e dar a criança para adoção? Tenho 22 anos, estou grávida de 10 semanas e para variar o pai da criança não quer saber de nós, enfim, estou sozinha. Mas jamais pensei em tirar esse AMOR DE VERDADE que está crescendo dentro de mim. Passo muita dificuldade, choro todos os dias, até já pensei que Deus havia se esquecido de mim, mas quando lembro como o meu bebê se desenvolve, penso que só pode ser Deus, e então, como Ele poderia ter se esquecido de mim, se me deu esse presente que só por graça Dele poderia acontecer.
    Assim, Deus que me perdoe, mas mulheres que estão pensando em abortar, tendo no mínimo a opção da adoção, são os piores seres do mundo, pois quem tem coragem de matar o próprio filho no momento em que ele mais precisa da mãe só pode ser um monstro.
    Desculpem a sinceridade, mas é a realidade!

  77. Mih disse:

    Olá Fabiana
    Estou gravida de 9 semanas e não queroaborta mais minha mãe que que eu tire esse bb fala que vai atrapalhar miha vida que so muito nova,meu noivo amou quando contei pra ele pulo de felicidades,oq faço agora?

  78. luana disse:

    quero abortar não estou feliz o que eu faço

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Luana,

      Essa parte domeu blog é justamente para ajudar pessoas que estão em dúvidas devido ao desespero e as circunstâncias da vida desejam abortar. Você escreve acima que não está feliz, mas abortar não resolverá seu problema. Tirar a criança, matar o bebê só vai trazer mais dor, remorço e arrependimento. Procure boas pessoas, que possam lhe ajudar a dar prosseguimento a sua gravidez e com certeza você não se arrependerá. Abortar é o pior caminho e traz consequências físicas e psicológicas sem volta. Fique a vontade se quiser escrever mais pra mim. Estou rezando por ti!

      Deus te abençoe!

  79. anomino disse:

    oi fabiana estou passando um momento muito dificiel na vida depois que eu em gravidez, estou passando muita humilhacao no meu servico e tbem as vezez eu namorado quer e outra nao que…me ajude o que eu faco…..so penso em abortar quando eu bringo com namorado…….me ajude

  80. calinca disse:

    Olá. tambem estou passando por um momento muito dificil na minha vida. Namoro a 02 anos e estou gravida mas nao tenho certeza de quantos meses estou. to com muito medo de ter esse filho, pois meus pais sempre foram contra o meu namoro e nao sei qual vai ser a reação delles. não tenho ajuda de ninguem, to com muito medo. Por favoor me ajudem!!!

    • fabianapaulaodm disse:

      Querida Joelma, Paz e Bem ao teu coração!

      Quero lhe agradecer por ter enviado o email para mim, pois já significa dizer que você não quer abortar seu bebe, que o ama, mas que tem medo das consequências da chegada desse filho.

      Bom meu conselho é que em primeiro lugar você procure uma ginecologista, faça exames e veja se está grávida, se está tudo ok com seu bebe e com você também.

      Procure seus familiares e tenha uma conversa verdadeira e franca, diga tudo que está em seu coração. Pode ser que a princípio eles não fiquem muito felizes, falem algo que possa lhe magoar, mas tenha toda certeza de que quando a criança chegar, eles ficarão muito, muito felizes e vão amar essa criança, pois toda criança é uma dádiva, um dom de Deus.

      Seu filho(a), será um grande presente e uma grande alegria. Abortá-lo significa deixar que uma grande felicidade venha em sua vida e privar que um ser frágil não tenha a chance de viver.

      Fico aguardando notícias suas, mande-me um email e já estou em oração por você.

      Abraço grande e parabéns pelo bebe!

      Fabiana Paula

  81. Renata disse:

    Olâ Fabiana, meu nome é renata me relacionei com um rapaz da minha cidade q ele se aseparou a 4 meses e ele ja tem dois filhos um de 4 e o outro de 6. estamos juntos a 2 meses so q quase ninguém sabe. dei bobeira e estou gradida dele, no começo ele me pareceu até feliz so que depois que ele cv com um rapaz no serviço dele ele mudou os penssamentos completamente quer q eu aborte. eu não quero fazer isso sei q é um vida q estar gerando dentro de mim, mas o que mas me supriende é que ele ja tem os dois filhos e me pede pra fazer uma coisa dessas. estou sem coragem pra contar pra minha mãe. oq faço Fabiana

  82. elania disse:

    eu chorei ao ler estas palavras estava procurando uma resposta para meus problemas queria aborta nao sei se quero mas tenho 8 filhos estou gravida de 3 meses tive 2 meninas elas sao gemeas tem 7 meses eu estou triste por esta gravida novamente minha vida e muito dificio para criar educar todos eles ao ler estas mensagens fez eu pensar melhor antes de tomar qualquer atitude essa criança nao tem culpa preciso de ajuda bjsssssss

  83. elania disse:

    obrigada pelas palavras eu estava precisando de ums concelhoso

  84. larissa disse:

    pow gostei muito de ter lido o seu site tava pensando seriamente em fzr um aborto mas
    lendo td di seu site eu percebi q seria uma grande besteira e pesso-lhe mt obrigada….
    agora sei q no meu ventre a uma bencao di deus… bjs

    • fabianapaulaodm disse:

      Que bom querida Larissa, que pude te ajudar a dar continuidade a sua gravidez. Que Deus abençoe muito você, o seu bebe e todos os seus familiares!!!!! Quando quiser conversar comigo, é só escrever!!!!!!!

  85. cada pessoa tem uma forma diferente de ver as coisas,eu tenho 2 filhos,mas acho certo abortar,mais somente durante as 6 primeiras semanas,porque até lá eles praticamente não são gente,não tem coração e nem vida…..tive meus filhos com 15 e 17 anos, cuidei deles sem ajuda de ninguem,nem do proprio pai,pensei varias vezes em abortar,não fiz porque não tive quem me ajudasse,não sei se abortaria diante de uma nova gravidez,ia depender da situação.O mundo em q vivemos não está permitindo o luxo de ter um filho,são tantas desgraças q acontece todos os dias,jovens cada vez mais novos se envolvendo com o crime e as drogas,matando qualquer mãe de desgosto….tenho certeza q muitas mães diante de tanto sofrimento q os filhos lhes causão,já se arrependerão muitas vezes de ter permitido q eles nascessem,então diante disso temos q cuidar muito para não engravidar,mas se aconteçer por acidente temos q pensar se vale apena levar em frente ou não…….

    • concordo pois hoje pra gente ter filhos tem q pensar muito antes pois eu sei q e errado aborta errar e humano e concordo com muitas mulheres q aborta nao adianta vc colocar um filho no mundo e fazer igual muitas mae faz deija jogados nisso ninguem e contra por isso q eu nao entendo por q sao contra o aborto

      • Francisco disse:

        Pense bem na sua decisão Andreia.
        Está comprovado cientificamente que o bebe possui batimentos cardíacos desde o principio da gravidez.
        Diga uma coisa, se fosse você que estivesse no ventre de sua mãe e ela estivesse querendo abortar, como reagiria?
        Outra, você conhece as consequências de um aborto?
        1- Hemorragia massiva devido à rotura do útero; também a pílula do aborto pode causar hemorragia séria. A paciente pode morrer, mesmo com transfusão sanguínea.
        2- Infecção grave, que no nosso país significa morte.
        3- Aborto incompleto: em que partes fetais são deixadas no interior com infecção e hemorragia
        4- Septicemia (as pílulas de aborto podem causar infecção séria)
        5- Complicações de anestesia
        6- Risco de perfuração de outros órgãos internos
        7- MORTE
        Veja tambem algumas consequencias psicológicas:
        1- Stress Pós-Traumático: no mínimo, 19% das mulheres sofrem desta doença, depois do aborto. Há muitos casos de médicos que fizeram abortos sem avisarem as mulheres sobre esta doença e que tiveram que pagar milhões de dólares em reparações.
        Os sintomas são vários, incluindo sensação de inutilidade, de falta de controlo, medo, ansiedade, irritabilidade, comportamento agressivo, insónia, sintomas de pensamentos intrusivos sobre a criança abortada, sintomas de negativismo.
        2- Disfunção sexual: 30 a 50% das mulheres, depois do aborto, têm sintomas de falta de prazer sexual, dor durante o ato sexual ou, no extremo oposto, desenvolvem uma vida promíscua.
        3- Ideias e Tentativas de suicídio: cerca de 60% das mulheres, depois do aborto, têm ideias de cometer o suicídio e 28% tentam mesmo o suicídio.
        4- Elevada tendência para fumar cigarros: o risco de fumar duplica depois de um aborto.
        5- Alcoolismo.
        6- Abuso de Drogas.
        7- Elevado risco de divórcio.
        8- Perda de interesse pelos filhos/filhas nascidas subsequentemente ao aborto.

        PENSE BEM NA SUA OPINIÃO
        chico.44@zipmail.com.br

      • fabianapaulaodm disse:

        Muito obrigada Francisco por suas palavras e pelas explicações baseadas na ciência, nos estudos.

        Meu blog tenta ajudar mulheres que no momento do desespero pensam em abortar. Muito obrigada por sua participação!

    • Francisco disse:

      Hoje em dia existe varias métodos de prevenção pra evitar a gravidez.Não adianta o ser humano dizer que foi uma gravidez inesperada, mal planejada… pois hoje existe vários métodos de prevenção.A mídia está sempre falando nisso.
      Por que o ser humano continuamos teimando e pra ticando este ato e culpando uma criança indefesa que quer apenas conhecer o mundo assim como todos nós fizemos?O que um pequeno embrião tem haver com nossos problemas?Quem somos nós pra tirarmos a vida de um ser humano?Deus?

      PENSE.
      chico.44@zipmail.com.br

    • fabianapaulaodm disse:

      O aborto sempre é aborto, sempre será um assassinato de um inocente, uma morte cruel de um ser indefeso, onde a pessoa que deveria protegê-lo e aquela que o mata.

      Minha cara Aninha, um filho sempre é um presente, um dom de Deus. Gastamos com tanta coisa, vivemos um mundo de consumismo e de egoísmo, onde pensamos mais em nós e no nosso conforto, do que no outro.

      Temos sim condições de criar nosso filhos e de fazer diferença nesse mundo. Nos casos de mulheres que vivem em extrema pobreza e com dificuldades, mesmo assim, abortar não é a solução, estamos vendo as coisas pelo ângulo errado, precisamos lutar por melhores condições de vida, mas a solução de forma alguma é o aborto.

      Já nos ensinou nosso mestre Jesus

      Eu vim para que todos tenham vida e a tenham plenamente.

      Deus te abençoe!
      Fabiana

  86. tenho 17 anos e estou gravida e as vezes quero aborta mas nao ja nem sei o que fazer nao durmo a noite choro muito pois tenho medo d aborta e depois me arrenpender me ajude por favor

    • fabianapaulaodm disse:

      Minha querida, saiba que mesmo com todas as dificuldades que está vivendo, você deve procurar pessoas que possam te ajudar para o teu bem. Um filho é sempre uma bênção, um presente de Deus, não importa de que forma ele venha até você. Fale com sua mãe ou com uma pessoa de confiança e partilha sua dor e seu desespero. Mas, não aborte seu bebe, as consequência pra vc serão pra sempre, além de que não temos direito sobre a vida de ninguém, nem mesmo do seu filho.

  87. lucia disse:

    oi preciso de ajuda so que no meu caso e diferente.
    preciso de um feto pois meu marido acha q estou gravida..
    quero disser q foi um aborto espontâneo com certeza ele vai querer ver entendeu.o q faço não consigo disser a verdade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 905 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: